Bússola
Um conteúdo Bússola

Solução da Granito transforma celular Android em maquininha de cartão

Desenvolvido totalmente "dentro de casa", sem fornecedores internacionais, o aplicativo Tap on Phone entrega vantagens de customização

 (Thinkstock/alice-photo/Thinkstock)

(Thinkstock/alice-photo/Thinkstock)

B

Bússola

Publicado em 27 de dezembro de 2022 às 20h15.

Última atualização em 29 de dezembro de 2022 às 10h52.

Por Bússola

A Granito Pagamentos, credenciadora do Banco BMG e Inter, anuncia a chegada de sua solução proprietária, Tap on Phone, que transforma qualquer dispositivo Android, que esteja habilitado para essa tecnologia, em uma máquina de cartão. Para além do modelo tradicional de aplicação do tap on phone, que atualmente está bastante ligado aos microempreendedores, a Granito pretende lançá-lo em seu pacote de adquirência como serviço.

A alta tecnologia investida permitiu que o produto seja White Label, possibilitando que a solução possa ser disponibilizada para outras empresas como: adquirentes, subadquirentes e bancos em geral que desejam ofertar esse tipo de meio de captura para seus clientes. Além disso, esse serviço não se restringe apenas às empresas em operação no Brasil, uma vez que a plataforma opera a multilinguagem e pode ser adequada a qualquer moeda. Companhias de diferentes segmentos podem customizar a solução e utilizá-la dentro de seu próprio aplicativo, sejam eles brasileiros ou internacionais.

De acordo com Rodrigo Teixeira, CEO da Granito Pagamentos, a companhia oferece a melhor condição entre os produtos já comercializados por algumas fintechs e adquirentes, resultado de um processamento independente, de tecnologia de ponta investida e do alto nível de customização do produto. “Nossa solução nos permite explorar novos segmentos com sustentabilidade operacional e de resultados, o que difere do restante do mercado, que costuma terceirizar o processamento com empresas estrangeiras. Dessa forma, além de entregar tarifas mais competitivas, conseguimos ampliar o uso da tecnologia em meios de pagamento”.

Um celular, uma maquininha

Para empresários e empreendedores do setor de restaurantes com operação de delivery — número cada vez mais elevado dado o comportamento de consumo atual — é fácil imaginar a complexidade que é gerenciar uma equipe de entregadores na rua. Estejam eles onde estiverem, precisam estar munidos de máquinas de pagamento que atendam as diversas bandeiras de cartão.

Pensando nesse público a solução possibilita, aos clientes da Granito, acesso à ferramenta diretamente no aplicativo da companhia. Basta ter um celular compatível e habilitado para Near Field Communication (NFC). A competitividade das tarifas é só um dos benefícios do produto, que também não tem custo de adesão. O Tap on Phone não requer nenhum hardware adicional e pode ser instalado em quantos dispositivos o empreendedor desejar, o que traz mais uma vantagem financeira — não é mais necessário que cada funcionário ou ponto de venda tenha uma máquina de cartões, basta ter o aplicativo instalado em seus smartphones. Com certificações em todos os níveis de segurança, o novo recurso aceitará as bandeiras Mastercard, Visa e Elo, nos formatos contactless: cartões físicos ou wallets de outros smartphones ou smartwatches.

Mais robustez no processo antifraude

Segundo dados recentes da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs), no comparativo entre o primeiro semestre de 2021 e deste ano, a alta no uso de pagamentos por cartões de crédito foi de 42,4%, movimentando cerca de R$ 478,5 bilhões. O que, de certa forma, trouxe também um desafio às instituições financeiras com o crescimento no número de fraudes e influenciou as empresas a buscarem novas medidas preventivas. De acordo com a IBM, a fraude de cartão de crédito é o tipo mais comum em todos os países e quase um terço da população brasileira (31%) já foi vítima desse crime. Apenas no primeiro semestre de 2022 foram registradas mais de 2,8 milhões de tentativas de fraudes em cartões de crédito, um crescimento de 637% em comparação ao mesmo período do ano anterior, segundo o relatório semestral da Apura Cyber Intelligence.

A nova solução da Granito revoluciona também nesse cenário, trazendo vantagens também ao consumidor final. Segundo Rodrigo, uma das customizações possíveis no uso do aplicativo seria a possibilidade de integrar o tap on phone granito  ao checkout das lojas virtuais que operam via APP. Desta forma, o tap on phone  poderia ser utilizado como uma camada adicional de segurança uma vez que o e-commerce poderia solicitar que o consumidor (portador do cartão físico) realize o “tap” em seu próprio celular dando a segurança de que de fato é ele mesmo que está realizando a compra. Além disso, também seria possível realizar a ‘tokenização’ deste cartão e armazená-lo para compras futuras.”, diz.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube

Veja também

Startup oferece serviços de design com entrega em 24 horas

Controle de jornada do trabalhador remoto e as plataformas digitais

Bússola & Cia: Caixa renegocia mais de R$ 1 bi em dívidas

Acompanhe tudo sobre:Ideias de negócioIndústria digitalInovaçãoseguranca-digitalSustentabilidadeTecnologia da informação

Mais de Bússola

Claudia Elisa Soares: ESG vai bem, obrigado

Como Inter, super app financeiro, lucrou R$ 195 mi apostando em IA generativa

Quem é a arquiteta que participa pela 6ª vez da mostra CASACOR assinando galeria de arte

Bússola Cultural: inscrições abertas para o 3° Concurso de Crônicas sobre futebol de várzea

Mais na Exame