Bússola
Um conteúdo Bússola

Minds Digital evita mais de R$ 40 milhões em fraudes bancárias

Voice ID Tech previne golpes e mapeia desvios de comportamento em ligações telefônicas, WhatsApp e outros aplicativos

Empresa conta com tecnologia pioneira (Getty Images/Getty Images)

Empresa conta com tecnologia pioneira (Getty Images/Getty Images)

Bússola
Bússola

Plataforma de conteúdo

Publicado em 20 de junho de 2023 às 20h30.

Apenas 1 segundo. Este é o tempo que a Minds Digital, Voice IDTech pioneira em biometria de voz no Brasil, necessita para identificar uma tentativa de fraude. Para atingir essa eficácia, o processo de autenticação, que antes era realizado em 4 segundos, passou por uma otimização que une o conceito de arquitetura em microsserviços, processamento em fila e comunicação via RPC — uma estrutura de código aberto e alto desempenho criada pelo Google para atender chamadas RPC (Remote Call Procedures). Com isso, o tempo médio de atendimento pode ser reduzido em até 30%.

Além disso, a estimativa é que o ROI das empresas que utilizam a tecnologia da Minds seja de 1:22, isso é possível considerando que a biometria de voz já traz o retorno desde o primeiro dia em que é implantada no sistema da empresa contratante. Isso porque, ao final do primeiro dia, já é possível visualizar se prováveis fraudes foram evitadas.

Como é possível prevenir fraudes por meio de IA?

Até hoje, a empresa já evitou mais de R$ 40 milhões em fraudes bancárias. Com seus algoritmos de inteligência artificial aplicados à voz, ainda é possível mapear desvios de comportamento em ligações telefônicas, aplicativos e WhatsApp. “Com o auxílio da biometria de voz nós ajudamos empresas e pessoas a se prevenir contra fraudes, nosso objetivo é manter o ecossistema antifraude cada vez mais seguro. Estamos concentrados em desenvolver a melhor biometria de voz do Brasil, para isso aprimoramos nossas soluções diariamente e queremos que o mercado conheça como funciona o cadastro e a autenticação de clientes pela voz”, explica o CEO  da Minds Digital, Marcelo Peixoto.

A startup oferece aos clientes três possibilidades: Minds for WhatsApp, com ele é possível reconhecer usuários que estão cadastrados por meio da voz no aplicativo de mensagens; Minds for App, tem a função de autenticar com biometria de voz qualquer operação do consumidor em aplicativos, do onboarding à validação de pagamento; e Minds for Call Center, permite que as empresas otimizem a jornada do usuário na central telefônica de atendimento, uma vez que os identificadores pessoais são substituídos pela autenticação por voz.

Crescimento permitido por resultados

Peixoto conta que 2022 foi um ano muito importante para a Minds Digital. “Nós recebemos uma rodada Seed de R$2 milhões, com a participação da BR Angels e da Cedro Capital. Os recursos foram utilizados para estruturar a governança corporativa da empresa, como os setores financeiros, compliance e outros, bem como fortalecer a evolução dos produtos e a força comercial”, afirma. “Além disso, nós também lançamos nossa nova marca reforçando nosso propósito de proteger pessoas e empresas de fraudes, e o portal de testes para apresentar na prática como nós utilizamos a inteligência artificial e o machine learning para autenticar clientes e usuários por meio da voz”.

Para 2023, a projeção da empresa é ter um crescimento de 45%, com foco na experiência do usuário e nas melhorias da plataforma. “Estamos concentrados em desenvolver a melhor biometria de voz do Brasil, para isso aprimoramos nossas soluções diariamente e queremos que o mercado conheça como funciona o cadastro e a autenticação de clientes pela voz, por isso vamos intensificar a divulgação do nosso portal de teste”, diz Peixoto.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube

Veja também

PositivoSEG surge para atender B2B em automação e segurança eletrônica

Mercado SaaS deve crescer 20% ao ano com a digitalização das PMEs

Julio Zaguini: IA generativa amplifica as capacidades humanas

Acompanhe tudo sobre:FraudesTecnologia da informaçãoBancosInteligência artificial

Mais de Bússola

Brasileiros apresentam a MIT e Harvard primeira tecnologia de treinamento de cirurgiões no metaverso 

SP terá semana dos shoppings centers no Expo Center Norte 

Bruno Serapião: COP 30, biocombustíveis e a importância do Brasil para a transição energética global

Gestão Sustentável: excesso de curto prazo quebra negócios e gera crises sistêmicas 

Mais na Exame