Bússola

Um conteúdo Bússola

Grupo DPSP doa R$ 500 mil e mira em R$ 1,5 mi com Gerando Falcões

Grupo DPSP lançou desafio solidário que vai converter doações em cestas básicas digitais

Grupo DPSP se uniu à ONG Gerando Falcões para conseguir doações (Bússola/Divulgação)

Grupo DPSP se uniu à ONG Gerando Falcões para conseguir doações (Bússola/Divulgação)

DR

Da Redação

Publicado em 21 de junho de 2021 às 14h03.

Última atualização em 21 de junho de 2021 às 15h21.

Por Bússola

O Grupo DPSP, união das bandeiras Drogaria São Paulo e Drogarias Pacheco, se uniu à campanha #CoronanoParedão da ONG Gerando Falcões. Em maio e junho doou 500.000 reais que foram revertidos em cestas básicas digitais e direcionadas aos moradores das comunidades atendidas pela instituição. Em uma página exclusiva no site da campanha, o grupo também arrecada doações.

As doações estão sendo estimuladas por meio de um desafio solidário. Se for alcançada a meta de 500.000 reais doados, o grupo doará mais 500.000. O total será convertido em cestas básicas digitais, ou seja, as famílias irão receber um cartão alimentação para usar na compra de itens essenciais. Além disso, as 1.370 lojas da rede espalhadas pelos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Minas Gerais, Pernambuco, Espírito Santo, Goiás, Paraná, além do Distrito Federal estão recebendo doações de alimentos não perecíveis e produtos de higiene.

A mobilização das empresas privadas tem sido fundamental para mitigar os impactos nocivos da covid-19 na sociedade. Segundo uma pesquisa da Rede Pressan (Rede Brasileira em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional) divulgada em abril de 2021, 116,8 milhões de pessoas conviveram com algum grau de insegurança alimentar nos últimos três meses de 2020.

O total será convertido em cestas básicas digitais, ou seja, as famílias terão acesso a um cartão alimentação que poderão utilizar na compra de itens essenciais.

“Nossa premissa é cuidar bem. Mas todo e qualquer cuidado passa pela necessidade de ajudar o ser humano também em uma de suas principais necessidades básicas: a fome. Ao adotar essas ações de responsabilidade social, reforçamos nosso compromisso com a sociedade e com nossos valores internos, melhorando a vida de quem precisa”, afirma Marcelo Doll, presidente do Grupo DPSP.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | LinkedInTwitter | Facebook | Youtube

Veja também

Acompanhe tudo sobre:CoronavírusDoaçõesDrogaria São PauloDrogarias PachecoPandemia

Mais de Bússola

Vinicius Hilkner: a IA Generativa é o integrante essencial que faltava no seu time? 

Melhor empreender no campo ou na cidade? Conheça jovens da Bahia que escolheram a primeira opção

A empresa centenária e familiar que se orgulha de ter 85% de presença feminina entre funcionários 

Como utilizar os meios digitais para atrair e reter pacientes em clínicas e consultórios?

Mais na Exame