Bússola
Um conteúdo Bússola

Globoplay lança Xuxaverso com oferta de NFTs e experiência inovadora

Lançada de forma paralela à estreia de 'Xuxa, O Documentário', distribuição de figurinhas digitais começa dia 14, como primeira ação de NFTs da Globo ligadas a um talento

Serão disponibilizadas 60 NFTs da carreira da Xuxa (Globoplay/Divulgação)

Serão disponibilizadas 60 NFTs da carreira da Xuxa (Globoplay/Divulgação)

Bússola
Bússola

Plataforma de conteúdo

Publicado em 13 de julho de 2023 às 16h00.

Última atualização em 13 de julho de 2023 às 16h09.

Simultaneamente à chegada da série documental ‘Xuxa, O Documentário’ nesta quinta-feira, dia 13, ao Globoplay, a plataforma amplia a experiência de engajamento do público com a apresentadora. O projeto marca a estreia de Xuxa, que se transformou num fenômeno pop ao longo de mais de quatro décadas de carreira, na web 3.0. Os 60 anos de história da Xuxa serão representados em 60 NFTs – sigla em inglês para Non-fungible Token – que passeiam por elementos marcantes da carreira da apresentadora, revivendo a memória afetiva dos fãs.   

Segundo projeto lançado pelo Globoplay na web 3.0 – a primeira experiência foi com Todas as Flores – quando foram ofertados NFTs de perfumes virtuais atrelados à vantagem exclusiva de assistir a spoilers da segunda parte da novela – o Xuxaverso tem o pioneirismo de criar ativos digitais ligados a um grande talento da televisão brasileira.  

“Nossa expectativa é inovar e seguir aprendendo nesse universo de blockchain, que tem múltiplas possibilidades de exploração por empresas de mídia. Quando olhamos para o acervo e amplitude de elementos que marcam a trajetória da Xuxa, com seu enorme sucesso há mais de quatro décadas, temos um leque diverso de possibilidades para atender à base de fãs da apresentadora. A partir dessa experiência inovadora, criamos uma relação direta de consumo com o público, trazendo elementos únicos de engajamento. O Xuxaverso abre portas para novos modelos de parceria com talentos, além da criação de ofertas digitais que ampliam nosso portfólio de produtos”, detalha Eliseu Barreira Junior, head de Gestão de Portfólio de Produtos Digitais & Canais Pagos da Globo. 

Como são os NFTs?

Desenvolvidos em conjunto com a Xuxa, os NFTs serão divididos em seis coleções, cada uma delas com dez artes digitais. “Isso é completamente novo para mim e estou adorando dar vida a tudo do meu mundo no Xuxaverso, com figurinhas inéditas, como.nave espacial, boquinha. Um jeito novo de me manter ainda mais próxima das pessoas”, diz Xuxa. 

As coleções promovem um passeio pelo acervo e história, contemplando ativos do Xou da Xuxa, a relação com os baixinhos, o sucesso internacional da apresentadora, os looks, as participações em inúmeros programas disponíveis no Globoplay, além de peças que levam a assinatura personalizada da Xuxa. Não bastasse toda essa oferta de peças colecionáveis, o Xuxaverso vai ganhar um ambiente digital para chamar de seu: lá, os colecionadores vão poder reunir todas as suas figurinhas digitais em um álbum criado especialmente para a ação.  

Ao todo, os 60 NFTs estarão distribuídos em três categorias de raridade: ouro, platina e diamante. As figurinhas digitais mais valiosas integram a categoria diamante, que inclui uma experiência única e presencial com a Xuxa, incluindo a opção de tirar fotos com a apresentadora.

“O projeto amplia a conexão do público à história dela, contada de forma detalhada, completa e inédita na série original Globoplay 'Xuxa, O Documentário'. A imersão nas décadas de 1980 e 1990, proporcionada pelo doc, também nos leva a uma memória afetiva muito marcante da época: os itens colecionáveis. Álbuns de figurinhas, papéis de carta, selos. O hábito de colecionar era característica marcante dessas gerações. A partir daí, surgiu a ideia de trazer de volta essa experiência, com uma roupagem mais moderna, digital, promovendo a mesma sensação de 30, 40 anos atrás”, afirma Tiago Lessa, head de Marketing de Aquisição e Engajamento. 

Acostumada a arrastar milhares de fãs por onde passa desde a década de 1980, Xuxa viveu na pele a transição do mundo analógico para o digital, vendo de perto a transformação na relação de engajamento e interação com os fãs. Variadas gerações a acompanharam e seguem com uma relação de carinho com ela que é um dos maiores ícones pops brasileiros de todos os tempos. Se antes os seguidores literalmente a acompanhavam de perto em seus shows, turnês e gravações, hoje a relação ganha escala e as redes de uma forma inédita na trajetória de Xuxa.   

“Desde as primeiras conversas sobre o projeto, a prioridade da Xuxa sempre foi fazer algo que abrisse um sorriso no rosto dos fãs. Com isso em mente, demos vida ao projeto que traz uma ampla oferta de peças colecionáveis, além da experiência exclusiva de ofertar figurinhas que vão além do NFT, promovendo a experiência de conhecer a Xuxa pessoalmente”, diz Eliseu. 

A distribuição de figurinhas colecionáveis começa nesta sexta-feira, 14, de forma paralela à chegada da série ‘Xuxa: O Documentário’ ao Globoplay. Essa primeira leva de NFTs prevê a distribuição de um NFT gratuito para assinantes Globoplay. As demais figurinhas do primeiro lote poderão ser compradas por todos os fãs da artista, mesmo não assinantes da plataforma, na loja oficial do Xuxaverso a partir do dia 20/7. Os demais lotes estarão disponíveis a cada 15 dias.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube

Veja também

Prio investe em patrocínio de grandes eventos culturais da cena carioca

Cultura pop: João Pessoa receberá o festival Imagineland

PLAY: No 9 de julho, procure um livro de Guilherme de Almeida, o poeta de 32

Acompanhe tudo sobre:EntretenimentoGloboplayXuxa MeneghelNFTBlockchain

Mais de Bússola

Claudia Elisa Soares: ESG vai bem, obrigado

Como Inter, super app financeiro, lucrou R$ 195 mi apostando em IA generativa

Quem é a arquiteta que participa pela 6ª vez da mostra CASACOR assinando galeria de arte

Bússola Cultural: inscrições abertas para o 3° Concurso de Crônicas sobre futebol de várzea

Mais na Exame