Brasil

Homem mais rico da América Latina anuncia investimento de R$ 40 bilhões no Brasil; entenda

Investidor no ramo de telecomunicações, Slim, presidente do Grupo América Móvil (AMX), que controla a Claro, investe diretamente no setor no país desde 2001

Investimento no Brasil: Slim estimou ter investido mais de R$ 40 bilhões no país nos últimos cinco anos (Ricardo Stuckert/Reprodução)

Investimento no Brasil: Slim estimou ter investido mais de R$ 40 bilhões no país nos últimos cinco anos (Ricardo Stuckert/Reprodução)

Luiza Vilela
Luiza Vilela

Repórter de POP e Redatora da Homepage

Publicado em 19 de abril de 2024 às 21h41.

Última atualização em 20 de abril de 2024 às 17h58.

Tudo sobreCarlos Slim
Saiba mais

Depois de receber o presidente da Honda para a América Latina no Palácio do Planalto, que anunciou investimento de R$ 4,2 bilhões no Brasil, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) recebeu, nesta sexta-feira, 19, o empresário mexicano Carlos Slim, fundador do Grupo América Móvil (AMX), que controla a Claro, e homem mais rico da América Latina. No encontro, o bilionário anunciou que pretende investir R$ 40 bilhões no Brasil até 2029.

Com Wagner Moura, 'Guerra Civil' é uma perturbadora carta de amor à democracia

Investidor no ramo de telecomunicações, Slim investe diretamente no setor no Brasil desde 2001. Na reunião de hoje, Lula discutiu planos futuros para expansão da rede de fibra ótica e 5G, além de de oportunidades de parcerias comerciais no setor de telecomunicações e melhoria do cenário econômico do país. 

“Foi uma conversa ampla e interessante. Estivemos falando de como estão as economias, a do Brasil cada vez melhor, com inflação reduzida. Falamos dos nossos planos de investimento e do interesse que temos de seguir apostando de maneira importante no país”, afirmou Slim.

Mais R$ 40 bilhões investidos no Brasil

Durante o encontro com Lula, Slim estimou ter investido mais de R$ 40 bilhões no Brasil nos últimos cinco anos. Ele prometeu outros R$ 40 bilhões até 2029, especialmente em fibra ótica, internet de alta velocidade e serviços para cidadãos e empresas.

Segundo nota oficial do Planalto, o empresário elogiou o controle da inflação e as fortes exportações do Brasil. Argumentou sobre a possibilidade de aumento de investimentos em relação ao PIB no Brasil e México, e ressaltou o aumento de renda e salário mínimo nos dois países, ao mesmo tempo em que enfatizou a necessidade de ampliar investimentos em educação.

AMX vai comprar a Oi?

Na conversa com jornalistas, Slim descartou a possível compra da Oi, e afirmou que a AMX não está pensando em adquirir nenhuma empresa, mas planeja investir mais no país e competir melhor no mercado, em busca de uma novos clientes. Nesta sexta-feira, a operadora teve seu plano de recuperação judicial aprovado pelos credores.

Acompanhe tudo sobre:Carlos SlimClaroBilionáriosInvestimentos de empresasInvestimentos de governo

Mais de Brasil

Cartão Prato Cheio: como fazer o cadastro; tudo que você precisa saber

Quase 95% da atividade econômica do RS foi afetada por enchentes, aponta Fiergs

Unidades de saúde do RS poderão suspender exames, consultas e cirurgias até 30 de maio

Lula prepara viagem ao RS na quarta e vai anunciar auxílio direto aos afetados pelas chuvas

Mais na Exame