Agências
Acompanhe:

Amat Escalante ganha em Cannes prêmio de melhor diretor

É o segundo ano consecutivo em que o prêmio de melhor direção vai para um mexicano

Escalante recebe o prêmio em Cannes: 'Heli' é o terceiro longa-metragem do diretor e o primeiro a concorrer à Palma de Ouro (Getty Images)

Escalante recebe o prêmio em Cannes: 'Heli' é o terceiro longa-metragem do diretor e o primeiro a concorrer à Palma de Ouro (Getty Images)

D
Da Redação

26 de maio de 2013, 15h36

Cannes - O mexicano Amat Escalante, autor de 'Heli', recebeu neste domingo o prêmio de melhor diretor da 66ª edição do Festival de Cannes.

Após o anúncio de Steven Spielberg, presidente do júri, Escalante subiu ao palco para manifestar sua gratidão e seu 'amor' pelo festival, e fez um apelo contra a violência, à qual disse esperar 'que nunca nos acostumemos'.

É o segundo ano consecutivo em que o prêmio de melhor direção vai para um mexicano, já que na edição passada a categoria foi vencida por Carlos Reygadas, responsável de 'Post Tenebras Lux'.

Escalante - nascido em Barcelona em 1979 e radicado no México - havia estado em Cannes pela última vez em 2010, quando foi exibida Semana da Crítica a fita 'Revolución', que reunia dez curtas-metragens dirigidos por vários diretores mexicanos sobre a Revolução Mexicana (1910-1917).

'Heli' é o terceiro longa-metragem do diretor e o primeiro a concorrer à Palma de Ouro, enquanto seus dois longas precedentes, 'Sangre' e 'Los Bastardos', foram vistos na seção 'Um Certo Olhar'.