Tecnologia

Samsung Level-Over Wireless

Os fones de ouvido Samsung Level-Over Wireless são voltados para quem gosta de ouvir músicas sem deixar a tecnologia de lado. O acessório high-tech oferece praticidade no uso diário com alguns recursos de integração com smartphone que são um tanto incomuns. Um exemplo é a conectividade NFC (comunicação por proximidade), que permite ao usuário parear […]

Level app

Level app

DR

Da Redação

Publicado em 2 de outubro de 2014 às 22h05.

logo-infolab

Os fones de ouvido Samsung Level-Over Wireless são voltados para quem gosta de ouvir músicas sem deixar a tecnologia de lado. O acessório high-tech oferece praticidade no uso diário com alguns recursos de integração com smartphone que são um tanto incomuns.

Um exemplo é a conectividade NFC (comunicação por proximidade), que permite ao usuário parear o produto com o smartphone, dispensando o trabalho de fazer isso manualmente. A partir de então, a transmissão sonora começa por Bluetooth 4.0. Quem preferir também pode usar os fones de ouvido via cabo. Além disso, há um aplicativo de equalização sonora como modos pré-programados para alguns estilos musicais.

Todas as frequências sonoras são bem equilibradas, com destaque para os robustos sons graves, bem como para os límpidos agudos. Já os médios têm um pouco menos de nitidez. Há tecnologia de cancelamento de ruído e as suas conchas são confortáveis.

O Level-Over, contudo, requer um investimento considerável de quem quiser adquiri-lo e desfrutar de seus benefícios. O acessório tem preço sugerido de 1.599 reais, mas pode ser encontrado por 1.300 reais no Brasil, enquanto nos Estados Unidos o mesmo produto custa 350 dólares, pouco menos de 900 reais, em conversão direta.

Design

O design foi um ponto em que a Samsung claramente investiu na criação do Level-Over. A aparência de fones de ouvido topo de linha faz jus ao alto custo. Com formato over-the-ear, as conchas do acessório não machucam as orelhas e podem até mesmo cobri-las totalmente — algo que varia de pessoa para pessoa. Seu arco passa impressão de ser resistente e também é acolchoado.

A forma de controle deste aparelho é bem peculiar. Todos os comandos são dados na concha direita através de toques na superfície (somente no modo Bluetooth). Para mudar de música, arrastamos o dedo de trás para frente e fazemos o movimento contrário para voltar. Aumentar e diminuir o volume funciona da mesma forma, só que para cima ou para baixo.

Nos testes do INFOlab, quando usado com cabo em um smartphone com sistema Android, os controles de aumento e stop/play de música não funcionaram.

Dois toques pausam e continuam as músicas. Para atender e finalizar as chamadas precisamos apenas segurar por três segundos no centro da concha. Para atender uma segunda chamada, apertamos o centro da concha por mais três segundos. O mesmo movimento alterna entre as ligações.

Entretanto, em alguns casos, ao arrumar a haste, você pode passar a mão perto da concha e ela entenderá o movimento como se fosse um comando e pode interromper uma atividade, uma vez que o local de toque é bem sensível, mas funcional.

O Level-Over peca por não ser dobrável, algo que iria tanto torná-lo mais favorável para o transporte quanto daria maior longevidade ao produto.

Usabilidade

O som do Samsung Level-Over é bem alto assim como no Yamaha HPH, pelo fato dois possuem o mesmo tamanho de drivers: 50 mm. Esse ponto é importante para a boa execução de sons graves e a principal característica que gera a qualidade sonora para ouvir músicas pesadas.

A combinação da vedação acústica com o isolamento eletrônico possibilita um uso interessante em ambientes barulhentos. Ainda assim, ruídos externos “vazam” e você pode ouvi-los se o volume não estiver alto. Nesse quesito, o ATH-ANC9 QuietPoint Noise-Cancelling, da Audio Technica, é superior.

Contudo, o manual do produto explica que os desenvolvedores priorizaram o isolamento de ruídos que passem na parte frontal do Level-Over. Aparentemente, essa foi uma medida tomada pela Samsung para que o usuário não fique completamente isolado do mundo.

No geral, se você não for muito exigente, o isolamento do fones de ouvido cumpre bem a função: mesmo quando sabemos que há ruídos externos, eles soam tão baixos que não há incomodo diante as músicas que estamos ouvindo.

Aplicativo

O Level-Over tem um aplicativo com versão para dispositivos com sistema Android. Chamado de SoundAlive, o software oferece controles de áudio interessantes, como modificar frequências sonoras manualmente ou por estilo musical pré-programado.

Foto por: Reprodução

Bateria

Assim como na maioria dos fones de ouvido Bluetooth, a duração da bateria do Samsung Level-Over foi extensa. Durante o teste do INFOlab, o produto aguentou por 19h06 reproduzindo músicas ininterruptamente. Ou seja, você pode passar até mesmo algumas semanas sem levar o produto a uma tomada se o uso for moderado.

Vale a pena?

Por 1.599 reais, o Samsung Level-Over Wireless torna-se automaticamente um produto de nicho para quem gosta de ouvir músicas em smartphones ou então para quem é entusiasta dos dispositivos e acessórios da empresa. Contudo, o produto não deixa a desejar se você procura fones de ouvido versáteis e com bom isolamento sonoro.

Ficha técnica

FormatoOver-the-ear
Impedância41 ohms
Drivers50 mm
Cabo1,2 m
ConexõesBluetooth e NFC
Peso 350 g
Bateria19h06

Avaliação técnica

PrósBoa qualidade sonora, confortável e possui redutor de ruídos
ContrasDesign não favorece a portabilidade
ConclusãoBons fones de ouvido, mas o preço é alto e o isolamento sonoro poderia ser melhor
Áudio8,8
Redução de ruído e isolamento8,6
Conexão9,5
Design8.0
Média8.6
PreçoR$1.599
Acompanhe tudo sobre:AndroidDispositivos de SomFones de OuvidoInfolabMúsicaReviewsReviews INFOSamsungSmartphones

Mais de Tecnologia

Elon Musk confirma terceiro filho com funcionária da Neuralink Shivon Zilis

Na era do vício digital, a abstinência e a liberdade de 24 horas sem WhatsApp

Agora todos poderão ver o que você comenta em um story do Instagram; saiba como

Boeing Starliner tem retorno à Terra adiado pela segunda vez

Mais na Exame