Tecnologia

Nova smart TV 4K tem moldura e pode dividir a tela em duas

O televisor permite a visualização de dois conteúdos ao mesmo tempo e tem diferenciação pelo design; entenda

The Serif: televisor tem recurso multitela e apelo para aficcionados por design (Samsung/Divulgação)

The Serif: televisor tem recurso multitela e apelo para aficcionados por design (Samsung/Divulgação)

Lucas Agrela

Lucas Agrela

Publicado em 31 de agosto de 2021 às 15h40.

Última atualização em 31 de agosto de 2021 às 15h43.

Já imaginou ter uma smart TV que pode dividir a tela em duas e vem com uma moldura, deixando-a parecida com um quadro? Essa é a proposta da nova The Serif, que chega ao Brasil a partir de hoje.

Ganha pouco, mas gostaria de começar a guardar dinheiro e investir? Aprenda com a EXAME Academy

A TV tem resolução 4K, quatro vezes o padrão Full HD, e permite visualizar, ao mesmo tempo, um canal de TV e outro aplicativo, como o navegador de internet do televisor.

A função permite, por exemplo, ver um jogo e acompanhar os comentários nas redes sociais ao mesmo tempo. O recurso leva o nome autoexplicativo de “Multitela”.

Integrante da linha QLED TV 2021, da Samsung, a The Serif é uma aposta da empresa no segmento de estilo. A fabricante espera vender o produto a todos os consumidores que querem um aparelho com visual de obra de arte para suas casas, mas também para arquitetos e decoradores de residências.

A Samsung começou essa empreitada em 2017, com o lançamento da The Frame, um televisor que tem molduras e suportes diferentes dos convencionais. A TV também tem um serviço pago que oferece acesso a 1,2 mil obras de arte que aparecem na tela quando ela não estiver exibindo nenhum canal ou aplicativo de streaming. Esse serviço também está disponível na The Serif. Quando ligada nesse modo obra de arte, o televisor consome 30% da energia normalmente consumida quando elá exibindo vídeos de emissoras ou aplicativos de streaming.

A The Serif chega com molduras que envolvem toda a TV e permitem utilizar a parte superior como apoio para artigos de decoração. A moldura é branca e o aparelho pode vir com cavaletes, como aqueles usados em quadros expostos em museus. O suporte também permite esconder os fios de energia ou de outros conectores.

“A The Serif é um televisor que se posiciona entre as linhas QLED TV e Neo QLED”, afirma Guilherme Campos, gerente sênior de produtos da divisão de televisores da Samsung no Brasil. De acordo com a companhia, o produto é voltado a aficcionados por design.

Como outros televisores da marca, o novo aparelho é compatível com a projeção de tela de iPhones, por meio da tecnologia AirPlay 2, e também pode espelhar imagens da tela de celulares Android com a tecnologia Tap View, que funciona com NFC (mesma tecnologia usada, por exemplo, nos pagamentos sem fio em maquininhas de cartão).

Com tela de 55 polegadas, o novo televisor será vendido com preço sugerido de 12.499 reais. A fabricante importa o produto para o Brasil e não tem previsão de oferecer mais tamanhos de tela.

Não perca as últimas tendências do mercado de tecnologia. Assine a EXAME.

Acompanhe tudo sobre:SamsungSmart TVsTV 4K

Mais de Tecnologia

Novo app permite instalar jogos retrô da Nintendo no iPhone; saiba como

Neuralink, de Elon Musk, fará teste de implante cerebral em novo voluntário

Contra Huawei, Apple corta preço de iPhone na China

TikTok passa a testar vídeos de 60 minutos e acirra disputa com YouTube

Mais na Exame