Masaya Nakamura, o "pai do Pac-Man", morre aos 91 anos

Nakamura, que trabalhava como conselheiro sênior na Bandai Namco Holdings, morreu em 22 de janeiro, informou o grupo em comunicado

Tóquio - A fabricante japonesa de brinquedos e videogames Bandai Namco Holdings informou nesta segunda-feira que seu fundador, Masaya Nakamura, conhecido como "pai do Pac-Man", morreu aos 91 anos.

Nakamura, que trabalhava como conselheiro sênior na companhia, morreu em 22 de janeiro, informou o grupo em comunicado. Não foram dados detalhes sobre a causa da morte.

Nakamura fundou a companhia que se tornou a Namco em 1944. Ele assumiu o cargo de principal conselheiro da holding após fusão da Nanco com a Bandai em 2005.

Pac-Man foi lançado em 1980 e se tornou grande sucesso no Japão e no mundo, entrando para o Livro dos Recordes como jogo de fliperama de maior sucesso na época.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.