Tecnologia

LG supera BYD como segundo maior fabricante de baterias de carros do mundo

A queda nas vendas de veículos elétricos da BYD durante o feriado do Ano Novo Lunar de oito dias contribuiu para essa mudança

China2Brazil
China2Brazil

Agência

Publicado em 10 de abril de 2024 às 18h41.

Última atualização em 10 de abril de 2024 às 18h55.

Tudo sobreCarros elétricos
Saiba mais

De acordo com um novo relatório, a LG New Energy da Coreia do Sul se tornou o segundo maior fornecedor de baterias para veículos, superando a chinesa BYD nos meses de janeiro e fevereiro. A queda nas vendas de veículos elétricos da BYD durante o feriado do Ano Novo Lunar de oito dias contribuiu para essa mudança.

A capacidade instalada da BYD diminuiu 3,1% nos primeiros dois meses em comparação com o ano anterior, totalizando 12,1 gigawatts-hora, conforme apontado pela empresa sul-coreana de pesquisa de mercado SNE Research. Sua participação de mercado também caiu para 13,1%, uma redução de 4 pontos percentuais. O impacto do feriado de oito dias em fevereiro afetou as vendas de veículos elétricos da empresa, enquanto na Coreia do Sul o feriado do Ano Novo Lunar dura apenas quatro dias este ano.

O relatório destaca que os veículos de nova energia da BYD são competitivos em preço devido à produção interna de baterias e à integração vertical na fabricação de automóveis. Recentemente, a empresa com sede em Shenzhen inaugurou uma fábrica na Tailândia, visando expandir sua presença global.

Seis dos dez maiores fabricantes de baterias para veículos elétricos são chineses, representando 60,8% do mercado, um aumento de 2,1 pontos percentuais em relação ao ano anterior.

A capacidade instalada da Contemporary Amperex Technology cresceu significativamente durante o período, atingindo 35,5 GWh, um aumento de 44,9%. A empresa, sediada em Ningde, fornece baterias não apenas para grandes fabricantes chineses como Zeekr e Li Auto, mas também para montadoras estrangeiras como Tesla, BMW e Volkswagen. É o único fornecedor com mais de 30% de participação de mercado global, que aumentou para 38,4%.

Além disso, empresas como CALB Group, Gotion High-Tech, EVE Energy e Svolt Energy Technology também registraram crescimento na capacidade instalada. A Svolt, com sede em Changzhou, teve o crescimento mais rápido, atingindo 184,3%.

Segundo o presidente Yang Hongxin, a Svolt enviou mais de 15 mil veículos para clientes no exterior apenas no primeiro trimestre, representando quase 20% das exportações de automóveis.
Tradução: Mei Zhen Li

Fonte: STCN

Acompanhe tudo sobre:Carros elétricosBYDLG

Mais de Tecnologia

Novo app permite instalar jogos retrô da Nintendo no iPhone; saiba como

Neuralink, de Elon Musk, fará teste de implante cerebral em novo voluntário

Contra Huawei, Apple corta preço de iPhone na China

TikTok passa a testar vídeos de 60 minutos e acirra disputa com YouTube

Mais na Exame