Acompanhe:
Apresentado por HUAWEI

Com o objetivo de impulsionar a transformação digital das empresas brasileiras, a Huawei Cloud realizou nesta quarta-feira, 22, em São Paulo, um evento para reforçar seu compromisso com o país e anunciar novos produtos. A unidade de negócios do gigante global, que fornece infraestrutura e soluções para computação em nuvem, mira a estratégia em inteligência artificial (IA), cloud computing e na formação de um ambiente digital confiável.

Em entrevista à EXAME, o CEO da Huawei Cloud para o Brasil, Yang Hua, explicou o interesse da empresa pelo país. "O Brasil é o maior país na América Latina, por isso estamos focando e investindo bastante. O segundo motivo são as pessoas talentosas que encontramos por aqui, e o terceiro é o programa Spark, voltado para startups. Queremos ajudá-las a crescer e, depois, fazer parcerias locais", afirmou.

Essas condições, segundo ele, fazem do país um dos mercados mais importantes na estratégia global da empresa e justificam os investimentos feitos aqui, onde são atendidos mais de 300 clientes, abrangendo finanças, mídia, governo e operadoras.

Na visão de Hua, o diferencial competitivo da Huawei Cloud está no fornecimento de soluções mais abertas que a dos concorrentes (ecossistema open source) e, também, na melhor relação custo-benefício. "Como produzimos hardware e software, temos os melhores custos e a melhor performance", explica.

Yang Hua: CEO da Huawei Cloud para o Brasil (HUAWEI/Divulgação)

O executivo considera o mercado brasileiro "muito maduro" na adoção de soluções em nuvem e destaca alguns dos benefícios da tecnologia, como o "tempo reduzido de lançamento de produtos e a aceleração da inovação". Dessa forma, o mercado local continuará a ser abastecido com as novidades globais da empresa.

Destaques do evento

A Huawei Cloud apresentou o modelo Pangu 3.0, sistema que utiliza aprendizado de máquina de alto desempenho e alta confiabilidade para superar desafios complexos.

Na meteorologia, por exemplo, trata-se do primeiro modelo a vencer os métodos de previsão numérica (NWP) de última geração, com velocidade muito maior. No passado, prever a trajetória de um tufão nos próximos dez dias levava 5 horas. Com o Pangu, a tarefa pode ser feita em menos de 10 segundos.

Outro lançamento foi o GaussDB, um banco de dados em nuvem ultradistribuído e ultraescalável para setores de finanças, seguros, valores mobiliários e energia. E o MetaStudio, pipeline de produção de conteúdo digital completo da Huawei Cloud.

Utilizando o modelo de pessoa virtual Pangu, o MetaStudio possui tecnologia capaz de criar avatares digitais realistas, que podem produzir figuras em 2D e em 3D, recriando pessoas conhecidas, falando em diversas línguas, utilizando inteligência artificial (IA). O tempo de espera para uma pessoa virtual ganhar "vida" passou de nove dias para apenas 3 minutos.

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Ricardo Bellino leva líderes empresariais ao mosteiro Zen para aprender nova abordagem de liderança
seloApresentado por SCHOOL OF LIFE

Ricardo Bellino leva líderes empresariais ao mosteiro Zen para aprender nova abordagem de liderança

Há 2 dias

Em expansão no Brasil, Globant é classificada como marca de TI com crescimento mais rápido do mundo
seloApresentado por GLOBANT

Em expansão no Brasil, Globant é classificada como marca de TI com crescimento mais rápido do mundo

Há 6 dias

Com normas, certificações e ensaios a NSF fortalece sua operação no Brasil
seloApresentado por NSF

Com normas, certificações e ensaios a NSF fortalece sua operação no Brasil

Há uma semana

Corretoras de criptomoedas, como a Binance, definem altos padrões de segurança para a indústria
seloApresentado por BINANCE

Corretoras de criptomoedas, como a Binance, definem altos padrões de segurança para a indústria

Há uma semana

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais