Tecnologia

IdeaPad Z470

Por um preço atraente (1.699 reais), o IdeaPad tem configuração que atende as necessidades do usuário comum, aquele que que navegar, editar arquivos do Office, rodar vídeos e brincar com jogos simples. O acabamento é bom, e o visual da tampa marrom coberta por grafismos em 3D agrada. A boa aparência continua ao desdobrarmos a […]

DR

Da Redação

Publicado em 24 de janeiro de 2012 às 13h08.

logo-infolab

Por um preço atraente (1.699 reais), o IdeaPad tem configuração que atende as necessidades do usuário comum, aquele que que navegar, editar arquivos do Office, rodar vídeos e brincar com jogos simples. O acabamento é bom, e o visual da tampa marrom coberta por grafismos em 3D agrada. A boa aparência continua ao desdobrarmos a tela: uma superfície de liga metálica envolve o teclado. A teclas têm formato côncavo, mas o tamanho reduzido do Enter e do Shift atrapalha. 

Sem grandes extravagâncias, o Z470 oferece os dois núcleos de clock 2,3 GHz do processador Intel Core i5 2410M para rodar aplicativos. Esse é um modelo de processador popular entre os notebooks médios por um motivo muito simples: o próprio chip é um circuito intermediário dentro da hierarquia da Intel. Apesar de sua relativa modéstia, esse processador é perfeitamente capaz de realizar tarefas mundanas sem titubear. Ele não possui alguns dos recursos de segurança e conectividade que outros Core i5 e Core i7 oferecem, mas tais extras dificilmente seriam usados em um computador doméstico como esse. 

Os gráficos ficam sob a responsabilidade da GPU integrada Intel HD Graphics 3000, que acompanha a maioria dos chips Sandy Bridge. Ela tem um desempenho comparável ao de algumas placas dedicadas de entrada, com a desvantagem de ter que compartilhar a RAM com o sistema. Porém, por incrível que possa parecer, a HD Graphics 3000 do Z470 apresenta uma vantagem considerável sobre muitas GPU no que diz respeito à conversão de arquivos de vídeo. O segredo por traz dessa rapidez é um pedaço extremamente especializado de silício, que é dedicado exclusivamente à transcodificação de alguns codecs, como o H.264 e o MPEG-2. Programas como o MediaEspresso podem utilizá-lo para agilizar a transformação de um formato de vídeo em outro. Portanto, se você gosta de brincar ocasionalmente com edição de filmes, não ignore o Z470 somente porque ele não tem uma placa de vídeo dedicada. 

O restante da configuração não surpreende: 4 GB de RAM e 500 GB de HD (5400 RPM). Como sempre, o Sandy Bridge garantiu um ótimo resultado no benchmark de desempenho geral PCMark 7: 1943 pontos. Já o 3DMark06, que foca a avaliação do processamento gráfico com o DirectX 9 (geralmente usado em jogos mais leves), também conferiu uma nota razoável ao Z470: 4475 pontos. Benchmark PCMark 7 (em pontos) Barras maiores indicam melhor desempenho 

Benchmark PCMark 7 (em pontos)
Barras maiores indicam melhor desempenho

Positivo Premium N8820

3.675

Itautec Infoway Note W7535

2.223

HP Pavilion dm4-2095br

2.137

MSI FX420

2.093

Lenovo IdeaPad Z420

1.943

LG P420 5110

1.902

Benchmark 3DMark06 (em pontos)
Barras maiores indicam melhor desempenho

HP Pavilion dm4-2095br

4.936

MSI FX420

4.844

Positivo Premium N8820

4.749

Lenovo IdeaPad Z420

4.475

Itautec Infoway Note W7535

4.030

LG P420 5110

3.505


Nas laterais do notebook encontramos as conexões usuais. Do quarteto de portas USB 2.0 só vale mencionar que uma delas é mista com e-SATA. A lista continua com uma porta ethernet e uma slot de cartão de memória compatível com xD, SD, MS, MS Pro e MMC. As redes sem fio ficam por conta do Wi-Fi e do bluetooth. Pode-se exportar o sinal de vídeo desse notebook através de uma HDMI e de uma D-sub. Quem quiser assistir a DVD no próprio computador pode fazê-lo graças ao drive óptico DVD-RW. 

A tela do Z470 também não foge muito da muito da média, embora seja preciso observar que o ângulo de visão que ela oferece poderia ser maior. Por outro lado, o sistema de som surpreendeu por sua potência. A qualidade em si do áudio não chega a ser boa devido às distorções que aparecem nos volumes mais altos, mas essa é a regra geral dos notebooks. 

Assim como a maioria das máquinas atuais, o Z470 tem a sua parcela de software frívolo. No entanto deve-se reconhecer que alguns dos programas pré-instalados tem um pouco de utilidade. Entre eles, podemos citar o Lenovo DirectShare, que facilita a criação de uma rede de troca de arquivos via Wi-Fi. Não se trata de nada novo ou revolucionário, mas pequenas conveniências como essa pesam a balança a favor do IdeaPad. 

A Lenovo sempre caprichou nos teclados de seus notebooks e o Z470 não é uma exceção. No caso, o direcional ganhou espaço às custas do Shift e do Enter. Nào se trata de nada muito prejudicial, mas o digitador acaba perdendo algumas maiúsculas em consequência dessa decisão de layout. Uma pena que o touchpad não está à altura do teclado: a área sensível ao toque não se destaca pelo tamanho e só há suporte a gestos de até dois dedos. 

Em termos de portabilidade o Z470 mais uma vez se encontra na multidão que compõe média da categoria. Ele não é especialmente compacto (34,3 x 3,7 x 22,9 cm) ou leve (2,3 kg). Sua bateria também não impressiona nem decepciona: o Battery Eater demorou 70 minutos para esgotar a carga desse notebook. 

 Duração da bateria em uso intenso
Barras maiores indicam melhor desempenho

Itautec Infoway Note W7535

1h55min

LG P420 5110

1h27min

HP Pavilion dm4-2095br

1h16min

Positivo Premium N8820

1h12min

Lenovo IdeaPad Z420

1h10min

MSI FX420

0h59min


Além da unidade que recebemos, a Lenovo oferece outras configurações com os processadores Core i3 e Core i7. Entretanto, o modelo avaliado nesta resenha parece ser o mais equilibrado dos três no que concerne preço e configuração. Como vimos anteriormente, a ausência de uma placa de vídeo de entrada não é uma limitação catastrófica para o Z470, especialmente se você só pretende utilizá-lo para edição amadora de vídeos. Quem vai sentir mais falta da GPU é o publico de gamers. Nesse caso, alternativas de notebook médio com placa de vídeo não são incomuns. Portanto, o balanço final do Z470 é que ele oferece uma das melhores relações entre custo e benefício da categoria contanto que o usuário não esteja preocupado com processamento gráfico avançado.

Ficha técnica

Tela14”
ProcessadorIntel Core i5-2410M 2,3 GHz
RAM4 GB
Armazenamento500 GB de HD
GPUVídeo onboard
DriveDVD-RW
Peso2,3 kg
SOWindows 7 Home Premium 64 bits
Duração de bateria1h10min de bateria

Avaliação técnica

PrósBoa configuração para essa faixa de preço; bom acabamento; áudio mais potente que a média;
ContrasNão possui placa de vídeo dedicada, item presente em uma parcela considerável da concorrência;
ConclusãoO Z470 não é um notebook excepcional, mas é uma máquina competente que se destaca pela boa relação entre custo e benefício;
Média7.7
PreçoR$ 1699
Acompanhe tudo sobre:LenovoNotebooks

Mais de Tecnologia

Apagão cibernético afetou 8,5 milhões de computadores da Microsoft

Uber apresenta instabilidade no app nesta sexta-feira

Zuckerberg diz que reação de Trump após ser baleado foi uma das cenas mais incríveis que já viu

Companhias aéreas retomam operações após apagão cibernético

Mais na Exame