Tecnologia

Como funciona a tradução simultânea dos fones de ouvido do Google

Os novos aparelhos do Google permitem que você fale com quem não sabe sua língua

Pixel Buds: fones de ouvido Bluetooth usam inteligência do Google Tradutor (Google/Divulgação)

Pixel Buds: fones de ouvido Bluetooth usam inteligência do Google Tradutor (Google/Divulgação)

Lucas Agrela

Lucas Agrela

Publicado em 5 de outubro de 2017 às 07h00.

Última atualização em 6 de outubro de 2017 às 16h17.

São Paulo – O Google anunciou nesta semana uma tecnologia que quebra a barreira do idioma: fones de ouvido que fazem tradução simultânea.

A tecnologia por trás desses aparelhos, chamados Pixel Buds, é a do Google Tradutor. Por conta disso, ele oferece suporte para 40 línguas.

Com o recurso ativado, quando uma pessoa fala com você, o microfone capta o áudio e devolve o sinal de áudio com a tradução do que foi dito. Há um delay nesse processo, mas a demonstração do Google no palco do seu principal evento de hardware do ano, realizado em San Francisco nesta semana, mostra que esse tempo é de segundos.

Para simular o processo de tradução dos fones de ouvido, você pode usar o aplicativo grátis do Google Tradutor no seu smartphone.

A bateria do produto tem duração estimada pelo Google de 5 horas de uso. Sua caixa funciona como um carregador portátil, o que aumenta a autonomia de bateria durante uma viagem de negócios, por exemplo.

Donos de iPhones não devem ter acesso aos Pixel Buds neste primeiro momento. O Google informou que a compatibilidade do produto é com smartphones com sistema Android 5.0 ou mais recentes.

Nos Estados Unidos, os Pixel Buds têm preço sugerido de 159 dólares (na casa dos 500 reais, em conversão direta).

 

Acompanhe tudo sobre:AppsFones de OuvidoGoogle

Mais de Tecnologia

Dez anos de Spotify no Brasil: o app que extinguiu a pirataria e virou sinônimo de música

O que esperar do balanço da Nvidia, a mais nova queridinha de Wall Street

Quatro operadoras da China se unem para oferecer roaming 5G entre redes

Colher elétrica promete 'temperar' alimento sem utilizar mais sal

Mais na Exame