Tecnologia

A atualização exclusiva que pode mudar tudo no iPhone 15 Pro e iPhone 15 Pro Max

iOS 18 trará funções apenas para o modelo mais novo e deixará aparelhos mais velhos de fora

Loja da Apple, em Nova York: incrementos de IA ficarão restritos aos modelos mais caros do iPhone (Leandro Fonseca /Exame)

Loja da Apple, em Nova York: incrementos de IA ficarão restritos aos modelos mais caros do iPhone (Leandro Fonseca /Exame)

André Lopes
André Lopes

Repórter

Publicado em 3 de junho de 2024 às 16h11.

Última atualização em 4 de junho de 2024 às 10h02.

Tudo sobreiPhone
Saiba mais

A Apple está prestes a anunciar o iOS 18, e a atualização do sistema operacional deve incluir uma série de recursos de inteligência artificial. Entretanto, algumas dessas funcionalidades serão exclusivas para os modelos iPhone 15 Pro e iPhone 15 Pro Max, deixando os demais dispositivos da marca sem acesso a essas novidades.

A informação foi divulgada por Mark Gurman, jornalista da Bloomberg conhecido por vazamentos sobre a Apple. De acordo com ele, o iOS 18 usará tanto processamento local quanto em nuvem para os recursos de inteligência artificial (IA). Contudo, algumas funções serão restritas a smartphones equipados com o chip A17, presente apenas nos modelos iPhone 15 Pro e iPhone 15 Pro Max.

Com essa limitação, muitos usuários de iPhones não poderão usufruir de todos os recursos de inteligência artificial oferecidos pela atualização. Isso inclui até mesmo os proprietários do iPhone 15 e iPhone 15 Plus, que possuem o chip A16 e foram lançados junto com a linha iPhone 15 Pro.

iPhone 15 Pro Max foi o smartphone mais vendido no primeiro trimestre de 2024

Os requisitos mínimos para os recursos de inteligência artificial parecem ser mais flexíveis para iPads e Macs. Gurman informou que as funções estarão disponíveis para dispositivos com chip M1 ou superior, presentes na linha Mac desde 2020 e no iPad Pro lançado em 2021.

Ainda não está claro quais serão os recursos exclusivos para os modelos com chip A17. A Samsung adotou uma abordagem semelhante ao limitar certas funcionalidades de inteligência artificial nos aparelhos Galaxy lançados em 2021 e 2022 devido à capacidade de processamento.

O iOS 18 deve ser anunciado na WWDC 2024, agendada para 10 de junho. Durante o evento, a Apple apresentará a atualização de software aos desenvolvedores, com a versão final prevista para ser liberada ao público em setembro.

Espera-se que a Siri seja uma das principais atrações do iOS 18, com a capacidade de controlar o iPhone por meio de comandos de voz. No entanto, esses recursos devem ser disponibilizados em uma atualização posterior, prevista para o início de 2025. A assistente de voz utilizará um modelo de linguagem grande (LLM), a mesma tecnologia empregada pelo ChatGPT, Microsoft Copilot e Google Gemini.

Acompanhe tudo sobre:AppleiPhoneSmartphones

Mais de Tecnologia

NIO lança estação que realiza troca de bateria em apenas 3 minutos

Aeroportos registram queda no extravio de bagagens após implementação de novas tecnologias

Volta do presencial prejudica profissionais de tecnologia do Norte e Nordeste

IBM Consulting troca gerente geral para renovar foco em projetos de inteligência artificial

Mais na Exame