Acompanhe:

Na última sexta-feira, 1, a revista Time publicou a lista de melhores filmes do ano. A crítica de cinema Stephanie Zacharek, que assina o texto, diz que a forma com que os filmes são consumidos mudou drasticamente pela facilidade de acesso ao cinema a um clique de distância dentro das casas. Mesmo assim, o cinema ainda tem seu papel. E seguindo as palavras de Zacharek, “um ótimo filme – ou um terrível – te segue”.

Conheça abaixo a lista dos melhores filmes apontados pela revista:

10º: Passagens 

Assinado pelo cineasta Ira Sachs, o filme acompanha o caso entre o cineasta Thomas (interpretado por Franz Rogowski) e Agathe (Adèle Exarchopoulos), uma professora casada com Martin (Ben Whishaw). Quando esse último começa a ter um caso, o fato intriga o cineasta, que passa suas atenções para o marido da sua amante. O longa está disponível no Amazon Prime. 

9º: Dreamin’ Wild

Dreamin’ Wild acompanha a narrativa de dois irmãos músicos, Donnie (Casey Affleck) e Joe Emerson (Walton Goggins), na jornada da produção de um álbum na década de 1970. Dirigido por Bill Pohlad, o filme acompanha a história daqueles que nunca param de viver os sonhos do rock’n’roll, segundo Zacharek. O filme é baseado em fatos reais.    

8º: Are You There God? It’s Me, Margaret

Este filme, dirigido por Kelly Fremon Craig, se destaca por ser daqueles que exprimem detalhes sobre as experiências vividas por mulheres, ainda pouco exploradas nas telonas do cinema. O filme conta a história de Margaret Simon (Abby Ryder Fortson), uma garota nas descobertas da pré-adolescência. A menina muda de cidade e, com isso, encara os desafios da vida em um novo espaço – acompanhada da mãe, Bárbara (Rachel McAdams) e da avó Sylvia (Kathy Bates). O longa está disponível no streaming da HBO, o HBO Max.

7º: Assassinos da Lua das Flores

Assassinos da Lua das Flores (ou no título original, Killers of the Flower Moon), de Martin Scorsese, revisita a história relatada por David Grann sobre um grupo de homens brancos que assassinou membros de uma tribo indígena, chamada Osage, em Oklahoma. O filme está em cartaz e conta com grandes nomes de Hollywood, como Leonardo Di Caprio (no papel de Ernest Burkhart) e Robert De Niro (William Hale) no elenco.  

6º: Vidas Passadas

O longa é a estreia da escritora e diretora coreana Celine Song que mostra como dois amigos de infância Nora (Greta Lee) e Jung Hae Sung (interpretado pelo ator Teo Yoo) se reencontram na megalópole de Nova York depois de décadas sem contato. O filme fala sobre a beleza das escolhas e o choque das oportunidades perdidas, apresentadas pela vida.

5º: Memórias de Paris

Após seu irmão sobreviver a um ataque terrorista, a escritora e diretora Alice Winocour encarou a incerteza sobre se ele estava vivo ou não. Em Memórias de Paris, Winocour revisita lembranças semelhantes do caso fictício vivido pela personagem Mia (Virginie Efira), que tem que lidar com o trauma de viver um ataque. 

4º: Priscilla

As vozes, passos e estética de Elvis Presley ainda ecoam nos dias atuais, depois de mais de 40 anos do seu falecimento. Muitas obras, tanto na literatura, como no cinema tentam recriar a imagem do icônico astro, mas com menos frequência vemos produções sobre a sua família. Em Priscilla, Sofia Coppola constrói ao mesmo tempo que revisita a história de Priscilla Beaulieu Presley, a esposa de Elvis, a partir das memórias de Priscila. Enquanto Jacob Elordi (muito conhecido pelo seu trabalho na série Euphoria, da HBO Max) interpreta Elvis, Cailee Spaeny vive Priscilla até o fim do casamento da dupla, quando Priscilla tinha apenas 27 anos.  

3º: Zona de Interesse

Dirigido por Jonathan Glazer, o longa acompanha o comandante chefe de Auschwitz, Rudolf Höss (interpretado por Christian Friedel) e sua esposa Hedwig (Sandra Hüller), que lutam para construir uma vida com suas casualidades – como problemas de relacionamento e o anseio de ter uma casa segura com vida abundante – ao lado de um campo de concentração. De acordo com a Time, o filme é um “lembrete de que a felicidade construída sobre o sofrimento dos outros não é felicidade”.

2º: Maestro

Maestro conta a história do compositor e maestro Leonard Bernstein, que ficou à frente da Filarmônica de Nova York até o final da década de 1960. Quem vive Bernstein é Bradley Cooper e o longa é um grande mergulho não só na vida de quem está envolvido com a música clássica, mas trata sobre a complexidade da humanidade, que pode ser ao mesmo tempo, complicado e carismático. A Time destaca a atuação de Carey Mulligan, que interpreta a esposa do compositor, a costarriquenha-chilena Felicia Montealegre. O filme estará disponível na Netflix em 20 de dezembro.

1º: Folhas de Outono

O filme, do finlandês Aki Kaurismäki, tem como premissa acompanhar o encontro entre Ansa e Holappa, interpretados por Alma Pöysti e Jussi Vatanen, respectivamente. Folhas de Outono (ou Fallen Leaves, no original) fala do poder dos encontros, romance, vícios, obstáculos da vida e, principalmente, a solidão. Vale reforçar que o filme também aborda a questão do alcoolismo e está disponível nos cinemas.

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
'Pobres Criaturas': veja onde assistir ao filme que pode levar o maior prêmio do Oscar de 2024
Pop

'Pobres Criaturas': veja onde assistir ao filme que pode levar o maior prêmio do Oscar de 2024

Há 6 horas

'O Menino e a Garça': veja onde assistir ao favorito do Oscar de melhor animação
Pop

'O Menino e a Garça': veja onde assistir ao favorito do Oscar de melhor animação

Há 7 horas

Oscar 2024: Como são escolhidos os indicados e vencedores do maior prêmio do cinema?
Casual

Oscar 2024: Como são escolhidos os indicados e vencedores do maior prêmio do cinema?

Há 18 horas

'Duna 2' acelera o ritmo e cria épico que arrepia com a força esmagadora do deserto
Pop

'Duna 2' acelera o ritmo e cria épico que arrepia com a força esmagadora do deserto

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais