Quer empreender? Festival oferece mais de 50 cursos online de graça

Ao longo da próxima semana, evento promovido pela Globo traz uma série de aulas e palestras para jovens empreendedores se aprofundarem no mundo dos negócios

O empreendedorismo pode ser uma saída para a crise. Em momentos de desemprego e queda de renda familiar, começar um negócio muitas vezes é a solução encontrada pelos brasileiros. Neste ano, o país deve atingir o maior patamar de empreendedores iniciais dos últimos 20 anos, com 25% da população adulta envolvida em um negócio de até 3,5 anos. 

Para ajudar esse jovem que está empreendendo agora na pandemia, acontece na semana que vem, entre os dias 31 de agosto e 4 de setembro, a oitava edição do Menos30 Fest, o festival de inovação e empreendedorismo da Globo. Ao longo dos dias, os participantes poderão participar de oficinas, palestras, apresentações de startups e shows online.

“No início da pandemia, pensamos em adiar o evento. Depois, percebemos que o certo a se fazer seria antecipá-lo. Mais do que nunca é preciso gerar reflexão sobre empreendedorismo”, diz Beatriz Azeredo, diretora de valor social da Globo. 

A participação é gratuita e o evento será transmitido no YouTube e no portal do Menos30 Fest. Os temas das palestras e debates giram em torno do empreendedorismo digital. Há oficinas para discutir trabalhos do futuro, como usar as redes sociais para vender mais e como criar um curso online. Especialistas do Sebrae e de startups como MLabs e Hotmart estarão presentes.

Além disso, até o dia 18 de setembro, o festival disponibiliza mais de 50 cursos online gratuitos oferecidos por parceiros como Recode, LinkedIn, Eduk, Hotmart e Udemy. As opções vão desde marketing digital, finanças a edição de vídeo e gestão de e-commerce. As inscrições podem ser feitas pelo site.

Fora toda a programação de empreendedorismo, há também palestras sobre bem-estar e organização pessoal, para que o jovem tenha tempo para cuidar de sua saúde mental e física. “Esse espaço é importante porque empreender pode ser um estresse enorme, é um ecossistema complexo e são muitas novidades que precisam ser aprendidas”, diz Azeredo.

Os conteúdos para ajudar os empreendedores a lidar com as dores da gestão de um negócio estão crescendo no Brasil. Recentemente, a EXAME Academy, braço de educação do grupo que controla EXAME, lançou o curso Inovação na Prática, com aulas de especialistas como Pedro Waengartner, fundador da aceleradora de negócios ACE.

Ao final de cada dia, três startups irão apresentar seus trabalhos para uma banca de jurados e concorrer a 15.000 reais.

Veja abaixo a lista com as 12 participantes:

Web para todos 

Com o objetivo de construir uma sociedade digital mais acessível e inclusiva, o Web para todos é uma plataforma que atua na mobilização, educação e transformação da sociedade em relação à acessibilidade na web. 

Diáspora.Black 

A Diáspora.Black é startup de impacto social que promove o turismo e a cultura negra. Criada com objetivo de derrubar barreiras, aposta no conhecimento e na vivência como armas poderosas no combate ao racismo. 

Jaubra 

Conhecido como “Uber da Quebrada”, o Jaubra é um aplicativo de mobilidade urbana que surgiu para levar transporte alternativo ao bairro da Brasilândia, em São Paulo.

Barkus 

A Barkus cria metodologias práticas e divertidas de aprendizagem para apoiar pessoas e empresas em sua educação financeira. O objetivo é democratizar o acesso e ajudar a mudar realidades. 

Parças 

O Parças é uma iniciativa para promover a qualificação de pessoas em situação de vulnerabilidade econômica e social. Com seus bootcamps, quer criar uma geração de desenvolvedores startups unicórnios.

PLT4Way 

A PLT4Way promove transformação social e econômica através do ensino de inglês em comunidades de baixa renda. A cada três alunos pagantes, um vindo de comunidade e da periferia recebe o curso gratuitamente. 

Amana Katu 

O Amana Katu é um negócio social de acesso e uso sustentável de água de qualidade na Amazônia para residências e agricultura. O sistema estimula o aproveitamento da água da chuva e promove o acesso à água potável para comunidades ribeirinhas. 

Safe Drink Water For All 

A startup cria soluções inovadoras para democratizar o acesso à água e ao saneamento. Premiada pela ONU, a empresa tem como missão desenvolver tecnologias hídricas e de saneamento que proporcionem saúde e qualidade de vida à população de maior vulnerabilidade socioambiental. 

Moradigna 

O Moradigna é um negócio social que transforma casas em comunidades de baixa renda em moradias dignas. Com objetivo de melhorar as condições de moradia de todos, oferece um serviço completo com gestão, mão de obra e materiais, além do acesso ao financiamento, podendo parcelar em até 12 vezes sem juros. 

Nohs Somos 

A Nohs Somos surgiu com o objetivo de promover o bem-estar da população LGBTI+, conectando a comunidade ao mercado amigável e auxiliando as empresas a aprimorar sua gestão inclusiva. 

Mete a Colher

A startup Mete a Colher visa combater a violência doméstica contra as mulheres e melhorar sua qualidade de vida. Com o uso da tecnologia, conecta mulheres e trabalha na sua orientação. 

Da Tribu 

O Da Tribu é um negócio que se descreve como “moda da floresta tecendo um futuro sustentável”. O trabalho é em parceria com famílias de seringueiros envolvidos na extração do látex e produção dos fios emborrachados. 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.