Ainda vale a pena distribuir panfletos para divulgar um negócio?

O marketing digital já mostrou que consegue atingir pessoas de forma exponencial. Mas os anúncios tradicionais ainda têm espaço?

Ainda vale a pena fazer anúncios e distribuir panfletos?

Um dos fundamentos do marketing é promover as marcas, produtos e serviços, valorizando os seus diferenciais, para o público certo. E isso deve ser feito usando as mídias e canais mais adequados para cada caso. É claro que o marketing digital e a comunicação nas redes sociais já mostraram que conseguem atingir pessoas de forma exponencial, usando pouco recurso e falando para um público totalmente focado no seu projeto.

Mas, em muitos casos, os anúncios tradicionais e os panfletos ainda ajudam bastante, pois nem todos têm acesso a algumas soluções tecnológicas.

Um bom exemplo é o caso dos folhetos de apartamentos, distribuídos no farol, por promotores. Se você busca um imóvel, está no bairro preferido e recebe esse material, pode resolver visitar a unidade decorada e efetuar a compra. No entanto, sabemos que milhares de folhetos vão para as mãos de pessoas que não buscam um imóvel.

Por isso, em breve, você receberá uma mensagem no seu celular com os empreendimentos na região. Hoje o mercado já dispõe de recursos para saber se você busca imóveis, que tipo de planta e lazer deseja e em que bairro quer morar. Como esse recurso não é usado por todos, por hoje, o folheto tem forte importância.

Esse é o caso também das pizzarias, por exemplo, entre outros negócios. Mas, assim como em outras áreas, com os aplicativos de pedidos, cada vez mais o público deixará de usar o tradicional impresso.

Os anúncios também têm seu papel. Mas vale a dica de testar várias mídias e avaliar os resultados, sempre, para buscar melhorias constantemente na performance das campanhas e nas vendas.

Mônica Lobenschuss é fundadora da rede de franquias de mídias sociais Social Lounge.

Envie suas dúvidas sobre marketing e redes sociais para pme-exame@abril.com.br

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.