TAM retoma liderança do mercado doméstico em outubro

No mês passado, a TAM obteve 39,62 por cento do mercado doméstico de aviação -contra 38,22 por cento em setembro e 43,20 por cento em outubro do ano passado

São Paulo - A TAM retomou a liderança do mercado doméstico em outubro, segundo dados divulgados nesta segunda-feira pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

No mês passado, a TAM obteve 39,62 por cento do mercado doméstico de aviação -contra 38,22 por cento em setembro e 43,20 por cento em outubro do ano passado. No ano, o market share ficou em 41,29 por cento.

Em outro comunicado, a TAM afirmou que o seu yield -indicador do preço das tarifas- ficou estável em outubro em relação ao mês anterior.

A Gol -cujos dados ainda não incluem a participação da WebJet, adquirida em julho deste ano- mostrou participação de mercado de 37,08 por cento, contra 38,87 por cento em setembro e 38,96 por cento no décimo mês do ano passado. No ano, a participação é de 37,76 por cento.

Entretanto, se for levada em conta a participação de mercado da WebJet, a Gol teria 42,89 por cento do mercado em outubro, visto que a WebJet teve 5,81 por cento do mercado no mês passado.

Ainda de acordo com a Anac, a Azul se manteve na terceira posição, com 9,14 por cento do mercado doméstico em outubro. No mesmo mês do ano passado, a participação era de 6,63 por cento.

A demanda total por voos no Brasil cresceu 8,81 por cento em outubro em relação ao mesmo período do ano passado, e no acumulado do ano a avanço é de 17,46 por cento. A oferta de assentos, por sua vez, cresceu 12,85 por cento em outubro e 13,7 por cento entre janeiro e outubro.

A taxa de ocupação ficou em 67,62 por cento no mês passado e em 70,50 por cento nos 10 meses de 2011.

Voos internacionais - Nos voos internacionais, a TAM ficou com 88,46 por cento do mercado em outubro, contra 9,98 por cento da Gol. No acumulado do ano, as participações das empresas são de 87,98 e de 10,77 por cento, respectivamente.

A demanda por voos internacionais cresceu 3,42 por cento no mês passado, enquanto a oferta de assentos, também em outubro em relação ao mesmo período do ano passado, avançou 3,81 por cento, informou a Anac.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.