Acompanhe:
seloNegócios

Startup mexicana Kavak estreia no Brasil com investimento de R$2,5 bi

Segundo o presidente da Kavak Brasil, Roger Laughlin, os recursos serão usados para começar a montar um estoque de até 100 mil veículos no país até ano que vem

Modo escuro

Continua após a publicidade
Fachada de loja de comércio de veículos Kavak. (Edgard Garrido/Reuters)

Fachada de loja de comércio de veículos Kavak. (Edgard Garrido/Reuters)

R
Reuters

Publicado em 27 de julho de 2021 às, 12h28.

Última atualização em 27 de julho de 2021 às, 13h50.

A Kavak anunciou nesta terça-feira que está abrindo operações no Brasil com um investimento de 2,5 bilhões de reais para tornar o país seu principal mercado de compra e venda de carros usados até 2022, superando inclusive sua matriz no México.

Segundo o presidente da Kavak Brasil, Roger Laughlin, os recursos serão usados para começar a montar um estoque de até 100 mil veículos no país até ano que vem, dobrar a equipe para mil funcionários até dezembro e inaugurar uma mega centro automotivo em Barueri, na Grande São Paulo.

"O Brasil será nosso principal mercado muito rápido", disse Laughlin, executivo venezuelano confundador da companhia, em entrevista à Reuters.

O anúncio ocorre meses após a startup criada em 2016 para simplificar a compra de carros usados em mercados emergentes, ter recebido em abril um aporte de 485 milhões de dólares em novos fundos, com objetivo principal de estrear no Brasil.

A intermediação dos negócios pela startup inclui crédito - próprio e de bancos - e revisão mecânica e legal, após a qual oferece garantia de dois anos, com possibilidade de devolução dos veículos em 7 dias para clientes insatisfeitos com compras.

Apontado pela Kavak como terceiro maior mercado automotivo do mundo em volume de vendas, atrás de Estados Unidos e China, o Brasil tem visto a proliferação de empresas de base tecnológica para intermediação de compra e venda de veículos seminovos, um mercado altamente fragmentado.

Na chegada, a Kavak dividirá espaço com rivais locais menores como a Volanty e a Karvi, esta da Argentina, que também já receberam dezenas de milhões de reais de aportes de investidores internacionais em capital de risco.

O montante prometido pela Kavak, no entanto, revela uma aposta de muito maior vulto, com a companhia prevendo inaugurar nos próximos meses dezenas de pequenos centros dentro de shopping centers de brmalls, Iguatemi e Multiplan pelo país.

"Há muitas oportunidades de negócios num mercado tão grande como o país e não é qualquer empresa que pode fazer o que pretendemos no Brasil", disse Laughlin, citando possibilidade de a companhia ter capacidade de interlocução com setores como de seguros e de autopeças.

Últimas Notícias

Ver mais
Este carro de R$ 529 mil teve 150 unidades vendidas em menos de uma hora no Brasil
Casual

Este carro de R$ 529 mil teve 150 unidades vendidas em menos de uma hora no Brasil

Há 8 horas

Lula afirma que o Brasil voltará a vender 3,8 milhões de carros por ano
Economia

Lula afirma que o Brasil voltará a vender 3,8 milhões de carros por ano

Há um dia

Chega ao Brasil o Toyota RAV4 mais potente já lançado em versão híbrido plug-in
Casual

Chega ao Brasil o Toyota RAV4 mais potente já lançado em versão híbrido plug-in

Há um dia

México pede ao Tribunal de Haia que Equador seja suspenso da ONU
Mundo

México pede ao Tribunal de Haia que Equador seja suspenso da ONU

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais