Negócios

Ronaldo pode vender clube espanhol por um quarto do valor embolsado com o Cruzeiro

Ex-jogador vendeu sua participação na SAF do Cruzeiro no mês de abril

Ronaldo comprou o Valladolid em 2018 (Buda Mendes/Getty Images)

Ronaldo comprou o Valladolid em 2018 (Buda Mendes/Getty Images)

Fernando Olivieri
Fernando Olivieri

Redator na Exame

Publicado em 21 de maio de 2024 às 13h46.

Ronaldo está perto de deixar, mesmo que por um tempo, a vida de dono de clube de futebol. Após vender o Cruzeiro em abril, o ex-jogador pode abrir mão do Real Valladolid, clube espanhol, do qual é dono desde 2018. De acordo com informações da imprensa espanhola, Ronaldo recebeu uma proposta de 30 milhões de euros por 66% das ações na equipe.

A Radio Valladolid afirmou que o ex-camisa 9 da Seleção brasileira rejeitou a primeira proposta feita pela empresa de construção Inexo. A ideia da companhia é comprar 66% de forma imediata e pagar pelos outros 16,7% até 2030. O atual valor do restante das ações de Ronaldo seria de 10 milhões de euros (R$ 55 milhões), caso o clube esteja na primeira divisão do futebol espanhol. Caso esteja no segundo escalão, o valor cai para 5 milhões de euros (R$ 27 milhões).

A Inexo também ofereceu um bônus para a atual temporada. O Valladolid está na segunda posição com 69 pontos. Caso mantenha a colocação nas últimas duas rodadas, o clube teria o acesso para a La Liga direto e receberia 8 milhões de euros (R$ 44 milhões). Caso fique na segunda divisão, esse valor seria de 3 milhões de euros (R$ 16 milhões).

Cruzeiro foi vendido no final de abril

Desde que vendeu o Cruzeiro em 29 de abril, Ronaldo afirmou que o Valladolid seria o próximo clube. O ex-jogador afirma que pretende tirar um ano sabático do futebol após negociar suas ações no clube espanhol.

No caso da equipe brasileira, Ronaldo vendeu para o empresário Pedro Lourenço por R$ 600 milhões. Dessa quantia, R$ 100 milhões foram abatidos por conta dos investimentos feitos no novo centro de treinamento bancados pelo novo dono da SAF.

Os outros R$ 500 milhões, Ronaldo recebeu R$ 150 milhões à vista e receberá os outros R$ 350 milhões ao longo dos próximos 10 anos.

Acompanhe tudo sobre:FutebolBrasilRonaldo

Mais de Negócios

Por que a Cimed está disposta a pagar R$ 450 milhões pela Jequiti

Com solução para quem enfrenta o câncer, a Oncoclínicas&Co é eleita uma das Melhores do ESG

Empresa do Paraná que ajuda na cobrança de dívidas compra startup de Natal e mira R$ 100 milhões

Eles voltaram: depois de Floripa e POA, patinetes desembarcam no Rio e irão chegar a São Paulo

Mais na Exame