Negócios

Queimadas e inundações mostram impacto da mudança climática, diz Tim Cook

"Os desastres deveriam influenciar aqueles que negam a ciência", afirmou o CEO da Apple

Tim Cook: "É uma recordação de quanto a mudança climática é séria e do que está em jogo" (Stephen Lam/Getty Images)

Tim Cook: "É uma recordação de quanto a mudança climática é séria e do que está em jogo" (Stephen Lam/Getty Images)

A

AFP

Publicado em 22 de setembro de 2020 às 07h17.

O CEO da Apple, Tim Cook, afirmou na segunda-feira que o aumento dos incêndios, furacões e inundações são uma prova contundente de que a mudança climática é real.

Os desastres deveriam influenciar aqueles que negam a ciência, que demonstra que o efeito estufa está mudando perigosamente os padrões climáticos, disse Cook em evento transmitido on-line pela revista The Atlantic.

Cook destacou que os incêndios florestais na costa oeste dos Estados Unidos, os furacões no sul e as inundações no nordeste constituem um caso de mudança climática.

"Tudo isto junto, acredito que convencerá as pessoas que atualmente não estão convencidas da mudança climática", afirmou Cook.

A entrevista remota com o editor chefe da revista The Atlantic, Jeffrey Goldberg, foi gravada na semana passada, quando a fumaça dos incêndios florestais afetou a Califórnia, bloqueando a luz solar e com as cinzas caindo como neve em alguns lugares.

"É horrendo", disse Cook. "É uma recordação de quanto a mudança climática é séria e do que está em jogo", completou.

Cook se negou a responder se teve sorte ao tentar convencer o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de que a mudança climática é real durante alguma de suas conversas, alegando que os encontros eram privados.

"Não quero falar sobre isso de modo detalhado, mas fora disso, toda minha filosofia é o compromisso", disse Cook. "Acredito inclusive que o compromisso é mais importante quado você discorda sobre alguma coisa".

Trump sugeriu que o aquecimento global se reverterá por conta própria e descartou a mudança climática como a causa dos incêndios violentos que afetaram áreas da costa oeste, durante uma reunião com autoridades da Califórnia na semana passada.

Acompanhe tudo sobre:AppleFuracõesIncêndiosMudanças climáticasTim Cook

Mais de Negócios

Na peleia: mesmo com a enchente, gaúcha Docile mantém planos e abre sua primeira loja de doces em SP

Ela se demitiu aos 52 anos para empreender. Hoje é uma das mulheres mais ricas dos EUA

Brasil terá convênio com Alibaba para que pequenas empresas exportem para a China, diz França

21 franquias baratas para empreender em casal de qualquer lugar do mundo a partir de R$ 9,5 mil

Mais na Exame