Negócios

Não consegue achar um ponto comercial? Essa startup captou R$ 21 milhões para ajudar nesta missão

O aporte foi liderado pela Kaszek e acompanhado por fundos Canary, Caravela Capital e ONEVC, além de investidores anjos

Pedro Donato e Abraao Lacerda: estamos muito focados em ajudar a encontrar o melhor imóvel possível (Sua Quadra/Divulgação)

Pedro Donato e Abraao Lacerda: estamos muito focados em ajudar a encontrar o melhor imóvel possível (Sua Quadra/Divulgação)

Marcos Bonfim
Marcos Bonfim

Repórter de Negócios

Publicado em 26 de junho de 2023 às 06h01.

De nada adianta uma ótima ideia de negócio com um ponto comercial ruim. A startup Sua Quadra, no mercado desde o fim do ano passado, tenta facilitar a conexão entre imóveis e os empreendedores em busca de endereços comerciais para aluguel.

Nascida em São Paulo, a plataforma começou por Pinheiros e atualmente reúne cerca de 2 mil imóveis localizados no centro expandido da capital. A proptech usa tecnologia e um conjunto de informações de mercado como fluxo de pedestres, veículos, negócios próximos, além de dados do imóvel como planta, altura do pé direito, tamanho da fachada para que os potenciais interessados tenham uma visão mais ampla dos espaços.

Criada com capital próprio pelos sócios Pedro Donato e Abraao Lacerda, a Sua Quadra acaba de levantar uma rodada de capital semente de R$ 21 milhões. O aporte foi liderado pela Kaszek, com histórico de investimentos em negócios como:

  • QuintoAndar
  • Nubank
  • Gympass

Além da Kaszek, o investimento foi acompanhado pelos fundos Canary, Caravela Capital e ONEVC e ainda investidores-anjos do universo imobiliário, entre eles a família Horn, fundadora da Cyrela.

Como o negócio foi criado

A inspiração para a Sua Quadra parte de uma combinação de experiências de Donato, cofundador e CEO. O executivo cresceu vendo a sua mãe, arquiteta de formação e empreendedora, às voltas com dificuldades para alugar os seus imóveis.

Além disso, profissionalmente ao longo de 10 anos em gestoras como a Tarpon Investimentos e Advent International, presenciou os desafios de empreendedores para encontrar pontos comerciais.

No caminho para transformar a ideia em negócio, Donato encontrou Abraao Lacerda, engenheiro de computação com passagens pela Meta e Buser. Além de cofundador, Lacerda também lidera a área de tecnologia como CTO.

Juntos, investiram em um modelo em que a startup é rentabilizada pelo primeiro aluguel do imóvel e pela gestão dos pagamentos que passam pela plataforma – o dono do imóvel pode optar por receber diretamente.

Qual a estratégia da Sua Quadra para crescer

Para manter um padrão do serviço, quando um proprietário ou imobiliária coloca o espaço na plataforma, a Sua Quadra faz as fotos, elabora a planta e busca as informações que farão parte da divulgação sem custo para quem está anunciando.

“Estamos muito focados em ajudar a encontrar o melhor imóvel possível. E apostamos muito em aprofundar a solução, ter mais imóveis, investir em tecnologia e inteligência de mercado”, afirma Donato.

Desde que chegou ao mercado, a plataforma ampliou a oferta de imóveis em 10 vezes, ritmo semelhante ao registrado em número de negócios fechados. Entre os clientes mais famosos, estão franquias como Kopenhagen, Artex e o Grupo SMZTO.

Os planos da startup agora miram a expansão por regiões como a Zona Norte e a Leste, além de reforçar a quantidade de estabelecimentos em áreas onde já presente. Os novos recursos chegam para ajudar a acelerar essa estratégia.

Para isso, boa parte do dinheiro será empregado em tecnologia e desenvolvimento de produtos, incluindo projetos que facilitem a usabilidade com recursos mais sofisticados de pesquisa. A startup também mudou um escritório maior, prevendo a ampliação do time atualmente em 21 pessoas.

Acompanhe tudo sobre:StartupsGestores de fundosaluguel-de-imoveis

Mais de Negócios

A empresa inglesa que inventou a retroescavadeira vai investir R$ 500 milhões no Brasil — veja onde

Fórmula secreta? Como a Disney reinventou sua gestão financeira para continuar no topo

Depois de faturar R$ 300 milhões no Brasil, a Asper quer combater crimes digitais nos Estados Unidos

Em masterclass gratuita, Marcelo Cherto ensina o passo a passo para abrir uma franquia de sucesso

Mais na Exame