Negócios

LBR quer vender 14 unidades de produção

Iniciativa faz parte do plano de recuperação judicial da companhia


	LBR: companhia colocou unidades de produção à venda para dar continuidade ao plano de recuperação judicial
 (Alexandre Battibugli/EXAME.com)

LBR: companhia colocou unidades de produção à venda para dar continuidade ao plano de recuperação judicial (Alexandre Battibugli/EXAME.com)

Daniela Barbosa

Daniela Barbosa

Publicado em 10 de junho de 2014 às 09h42.

São Paulo - Em outubro do ano passado, o plano de recuperação judicial da Lácteos Brasil (LBR) foi aprovado pelos credores. Agora, a companhia parte para mais uma etapa do processo e vai se desfazer de alguns ativos.

Na semana passada, a LBR comunicou por meio de um edital que colocou à venda 14 unidades de produção industrial, localizadas em diferentes regiões do país.

Segundo o documento, os interessados em comprar as fábricas poderão realizar a constatação e conferência dos bens das unidades desde que um agendamento seja feito por e-mail e que seja assinado um termo de confidencialidade.

Mesmo em recuperação, a LBR continua operando normalmente no mercado. Entre suas marcas, está a Parmalat no país.

Acompanhe tudo sobre:EmpresasEmpresas italianasLaepLBRParmalatRecuperações judiciais

Mais de Negócios

40 franquias baratas para quem quer deixar de ser funcionário a partir de R$ 2.850

Ele cansou de trabalhar em telecom. Agora, faz mais de R$ 1 mi com franquia de serviços automotivos

“É função dos empresários iniciar um novo RS”, diz CEO da maior produtora de biodiesel do país

Na Prosegur, os candidatos são avaliados pela simpática Rose, a chatbot do grupo

Mais na Exame