Negócios

Blackstone está perto de comprar a L'Occitane, diz Bloomberg

A Blackstone, empresa de private equity que tem US$ 1 trilhão em ativos, ainda não se convenceu da estrutura do acordo

Da Redação
Da Redação

Redação Exame

Publicado em 9 de abril de 2024 às 07h48.

A Blackstone está fechando um acordo para adquirir a empresa de cosméticos L'Occitane, informou a Bloomberg nesta terça-feira, citando pessoas familiarizadas com o assunto.

A empresa francesa, avaliada em US$ 5,55 bilhões, interrompeu a negociação de suas ações em Hong Kong no início do dia antes de um provável anúncio com detalhes sobre a aquisição.

De acordo com o relatório, o gigante americano de capital privado pode se unir ao proprietário bilionário da L'Occitane, Reinold Geiger.

A Blackstone, empresa de private equity que tem US$ 1 trilhão em ativos, ainda não se convenceu da estrutura do acordo, segundo uma pessoa com conhecimento no assunto falou à Reuters.

O bilionário austríaco Reinold Geiger, dono da L'Occitane, havia decidido contra um acordo para tornar a empresa privada em setembro passado, provocando uma queda nas ações. A oferta de compra veio da holding de investimentos de Geiger, a L'Occitane Groupe SA.

A Bloomberg informou em fevereiro que a Blackstone estava considerando uma oferta pela L'Occitane, fazendo com que as ações da empresa francesa atingissem seus níveis mais altos em dois anos.

A L'Occitane foi listada em Hong Kong em 2010 e, na época, foi uma das primeiras empresas ocidentais a vender suas ações primárias no centro financeiro asiático

Acompanhe tudo sobre:L'OccitaneBlackstone

Mais de Negócios

Empreendendo no mercado pet, ele saiu de R$ 50 mil para R$ 1,8 milhão. Agora, aposta em franquias

Ele quer chegar a 100 lojas e faturar R$ 350 milhões com produtos da Disney no Brasil

Shopee ultrapassa Amazon e se torna segundo e-commerce mais acessado do Brasil em maio; veja a lista

Por que a Cimed está disposta a pagar R$ 450 milhões pela Jequiti

Mais na Exame