Negócios

American Express tem lucro líquido de US$ 1,2 bi no 1º trimestre

Os ganhos diluídos por ação foram de US$ 1,34 no primeiro trimestre deste ano, em queda de 8% ante o lucro de US$ 1,45 no ano passado

American Express: a receita líquida consolidada do período de janeiro a março deste ano ficou em US$ 7,9 bilhões (foto/Getty Images)

American Express: a receita líquida consolidada do período de janeiro a março deste ano ficou em US$ 7,9 bilhões (foto/Getty Images)

EC

Estadão Conteúdo

Publicado em 19 de abril de 2017 às 18h43.

A American Express reportou hoje uma queda de 13% no lucro líquido do primeiro trimestre, para US$ 1,2 bilhão ante US$ 1,4 bilhão no mesmo período do ano passado. Os resultados do primeiro trimestre de 2016 incluíam algumas parcerias de cobranding anteriormente descontinuadas, como a com a Costco.

Os ganhos diluídos por ação foram de US$ 1,34 no primeiro trimestre deste ano, em queda de 8% ante o lucro de US$ 1,45 no ano passado. Analistas esperam, em média, um ganho de US$ 1,28 por ação.

De acordo com um relatório da empresa divulgado há pouco, a receita líquida consolidada do período de janeiro a março deste ano ficou em US$ 7,9 bilhões - uma queda de 2% ante os US$ 8,1 bilhões verificados no mesmo período de 2016.

O relatório explica que, "excluindo os negócios relacionados à parceria com a Costco no ano passado e o impacto das taxas de câmbio internacionais", a receita líquida subiu 7%.

As despesas totais saltaram 10%, para US$ 1,6 bilhão, principalmente por causa de maiores despesas com prêmios a clientes de cartão de crédito.

Às 17h48 do horário de Brasília, as ações da American Express avançavam 2,25% no after hours em Nova York.

Acompanhe tudo sobre:American ExpressLucro

Mais de Negócios

Após cair 10% em maio, PMEs gaúchas voltam a crescer em junho e começam a se recuperar da enchente

Na febre das corridas de ruas, ele faz R$ 4,5 milhões com corridas em shoppings e até em aeroportos

Metodologia: como o ranking Negócios em Expansão classifica as empresas vencedoras

Cacau Show, Chilli Beans e mais: 10 franquias no modelo de contêiner a partir de R$ 30 mil

Mais na Exame