UE acha uma vergonha EUA não terem fechado Guantanamo

"Estamos muito decepcionados" defendeu representante do bloco

Bruxelas - A União Europeia afirmou nesta sexta-feira que é uma vergonha que os Estados Unidos mantenham ainda aberta a prisão de Guantánamo, mais de dois anos depois do presidente Barack Obama ter ordenado seu fechamento.

"Estamos muito decepcionados, é uma opinião da União Europeia e da Europa inteira que expressamos em várias ocasiões em nossos contatos com os americanos, é uma vergonha que se mantenha aberta e que as pessoas (detidas) não tenham sido julgadas", assinalou a comissária europeia do Interior, Cecilia Malmström, durante uma coletiva.

"Insistimos com nossos americanos que ela deve ser fechada", acrescentou.

Obama assinou um decreto ordenando o fechamento da prisão na ilha de Cuba, no dia seguinte em que assumiu a Casa Branca, em 2009.

Mas o Congresso impediu até agora o fechamento da prisão ao se negar a desbloquear os fundos para levar para os Estados Unidos e outros países os cerca de 200 detidos

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.