• AALR3 R$ 19,70 -0.25
  • AAPL34 R$ 73,76 0.27
  • ABCB4 R$ 17,02 3.28
  • ABEV3 R$ 14,74 0.34
  • AERI3 R$ 3,94 -10.05
  • AESB3 R$ 10,82 0.84
  • AGRO3 R$ 31,64 0.09
  • ALPA4 R$ 21,47 -1.01
  • ALSO3 R$ 20,22 1.76
  • ALUP11 R$ 26,38 0.73
  • AMAR3 R$ 2,48 4.20
  • AMBP3 R$ 30,37 2.50
  • AMER3 R$ 23,07 -2.49
  • AMZO34 R$ 72,52 1.38
  • ANIM3 R$ 5,71 2.88
  • ARZZ3 R$ 82,44 -0.40
  • ASAI3 R$ 15,89 3.38
  • AZUL4 R$ 22,11 4.00
  • B3SA3 R$ 11,92 2.32
  • BBAS3 R$ 36,41 2.80
  • AALR3 R$ 19,70 -0.25
  • AAPL34 R$ 73,76 0.27
  • ABCB4 R$ 17,02 3.28
  • ABEV3 R$ 14,74 0.34
  • AERI3 R$ 3,94 -10.05
  • AESB3 R$ 10,82 0.84
  • AGRO3 R$ 31,64 0.09
  • ALPA4 R$ 21,47 -1.01
  • ALSO3 R$ 20,22 1.76
  • ALUP11 R$ 26,38 0.73
  • AMAR3 R$ 2,48 4.20
  • AMBP3 R$ 30,37 2.50
  • AMER3 R$ 23,07 -2.49
  • AMZO34 R$ 72,52 1.38
  • ANIM3 R$ 5,71 2.88
  • ARZZ3 R$ 82,44 -0.40
  • ASAI3 R$ 15,89 3.38
  • AZUL4 R$ 22,11 4.00
  • B3SA3 R$ 11,92 2.32
  • BBAS3 R$ 36,41 2.80
Abra sua conta no BTG

Trump diz ter tomado dose de reforço da vacina contra covid

Embora o ex-presidente tenha desencorajado as zombarias, algumas pessoas do público começaram a reagir negativamente
 (Getty Images/James Devaney / Colaborador)
(Getty Images/James Devaney / Colaborador)
Por Estadão ConteúdoPublicado em 20/12/2021 21:09 | Última atualização em 20/12/2021 21:09Tempo de Leitura: 4 min de leitura

O ex-presidente americano Donald Trump afirmou que recebeu uma dose de reforço contra a covid-19, revelando a notícia ao ex-apresentador da Fox News Bill O’Reilly, no domingo, 19, em seu programa ao vivo History Tour, e dizendo que não queria ouvir nenhuma crítica sobre isso.

Embora o ex-presidente tenha desencorajado as zombarias, algumas pessoas do público começaram a reagir negativamente ao republicano. "Oh, não, não, não!" disse Trump, acenando com a mão com desdém.

Uma porcentagem relativamente grande de republicanos se recusou a receber até mesmo as doses iniciais das vacinas contra o coronavírus. Como os governadores do Partido Republicano, também resistem à obrigatoriedade da vacinação e do uso da máscara.

  • Quer saber tudo sobre o ritmo da vacinação contra a covid-19 no Brasil e no Mundo? Assine a EXAME e fique por dentro

Mesmo que tenha havido oposição à vacinação entre alguns conservadores - apenas 60% dos republicanos são vacinados, em comparação aos 91% dos democratas, de acordo com o The New York Times - Trump elogiou o papel de sua administração no desenvolvimento da vacina.

"Acho que isso teria sido a gripe espanhola de 1917 ... Isso iria devastar o país, muito além do que está agora. Assumo o crédito por isso."

Enquanto Trump reiterava sua oposição à obrigatoriedade de se tomar a vacina, ele disse a seus apoiadores que, quando eles duvidam da eficácia e da segurança do medicamento, eles estão "fazendo o jogo certo". "O que fizemos é histórico. Não deixe que eles levem isso embora", disse ele.

Antes de Trump falar no domingo, a ex-governadora do Alasca Sarah Palin, que foi indicada para concorrer à vaga de vice-presidente pelo Partido Republicano em 2008, disse em um evento conservador no Arizona que somente tomará uma vacina contra a covid-19 "passando sobre seu cadáver". "Eu não vou. Eu não farei isso e é melhor que eles também não toquem nos meus filhos”, disse Palin.

Todos os americanos com 16 anos ou mais são elegíveis para receber suas vacinas de reforço, desde que tenham recebido pelo menos uma dose da vacina Johnson & Johnson ou duas doses de Moderna ou Pfizer, com a última dose aplicada há pelo menos seis meses. O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) recomenda que todos os adultos americanos maiores de 18 anos recebam uma injeção de reforço.

O governo Biden, assim como as agências de saúde dos EUA, se engajaram em uma grande campanha para incentivar a vacinação para que não haja uma nova onda de covid-19 durante o inverno (no Hemisfério Norte), dizendo que elas são cruciais para oferecer proteção suficiente contra a variante Ômicron do coronavírus.

Depois que um videoclipe da declaração de Trump começou a se espalhar no Twitter, o porta-voz para assuntos de covid do Departamento de Saúde e Serviços Humanos do governo Biden retuitou com a mensagem: "Seja como o presidente Trump e tome sua injeção de ânimo".

Mais de 800 mil americanos já morreram de covid-19 desde que a pandemia se espalhou pelos Estados Unidos em março de 2020. As pessoas vacinadas têm uma probabilidade significativamente menor de serem hospitalizadas ou morrer de coronavírus do que as pessoas não vacinadas.

Trump já ouviu vaias durante um comício em agosto em Cullman, Alabama, depois de dizer aos apoiadores que eles deveriam ser vacinados.

O ex-presidente disse anteriormente que foi vacinado antes de deixar a Casa Branca, em janeiro. Mas ele não foi fotografado ao receber a vacina, ao contrário do presidente Joe Biden, que foi fotografado enquanto recebia a vacina inicialmente em dezembro de 2020 e um reforço em setembro.

Trump e a mulher, Melania, contraíram o vírus em setembro do ano passado, com o ex-presidente sendo internado no hospital por três dias devido a sintomas graves.