EUA e Japão realizam manobras navais no Mar da China

A operação ocorre alguns dias depois do lançamento de mísseis realizado pela Coreia do Norte

Estados Unidos e Japão realizaram nesta semana manobras navais no Mar da China Oriental, em um contexto de aumento da tensão na região depois dos lançamentos de mísseis efetuados segunda-feira pela Coreia do Norte.

Estas manobras militares, que contaram com a participação de destróieres japoneses e de um grupo aeronaval americano, foram realizadas durante quatro dias, de terça a esta sexta-feira, anunciaram as forças militares dos Estados Unidos em um comunicado.

A operação ocorre alguns dias depois do lançamento de mísseis realizado pela Coreia do Norte, três dos quais caíram nas águas da zona econômica exclusiva do Japão, que se estende a 200 milhas náuticas (370 km) de sua costa.

"Este exercício é similar às diversas operações que realizamos regularmente com as forças de autodefesa japonesas (nome das Forças Armadas japonesas) no Pacífico oeste e que estão destinadas a melhorar o trabalho de equipe, as competências operacionais e nossa preparação", segundo o comunicado.

Mas, para o jornal Sankei, é uma advertência para Pyongyang, além da exibição da presença militar conjunta dos Estados Unidos e do Japão no mar da China oriental, onde Pequim e Tóquio disputam a soberania de um arquipélago conhecido pelo nome de Senkaku em japonês e Diaoyu em chinês.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.