Combates entre grupos islamitas deixa 13 mortos no Paquistão

Treze pessoas morreram no noroeste do Paquistão em um atentado suicida e em um ataque com armas automáticas dos talebans locais com um grupo islamita rival

Peshawar - Treze pessoas morreram nesta quinta-feira no noroeste do Paquistão em um atentado suicida e em um ataque com armas automáticas dos talebans locais com um grupo islamita rival.

Os combatentes do Tehreek e Taleban Pakistan (TTP, talebans paquistaneses) atacaram a casa do mulá Nabi Hanafi, chefe de uma milícia islamita antitaleban em uma zona tribal de Orakzai, perto da fronteira afegã.

Um homem-bomba jogou um carro cheio de explosivos contra o imóvel e, depois, combatentes lançaram um ataque com armas automáticas.

Além dos 13 mortos, 20 pessoas ficaram feridas, segundo uma fonte da segurança de Peshawar.

O TTP, em luta contra as forças paquistanesas desde sua criação em 2007, reivindicou o ataque.

O governo paquistanês propôs recentemente negociações com os talebans para que ponham fim aos atentados que ensanguentaram o país há seis anos.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.