Mundo

Casamento real britânico tem pouca repercussão nos EUA, revela pesquisa

22% dos americanos acompanham o grande acontecimento social do Reino Unido apenas de vez em quando

Cerca de 75% dos americanos consultados têm uma opinião favorável a Lady Di (Getty Images)

Cerca de 75% dos americanos consultados têm uma opinião favorável a Lady Di (Getty Images)

DR

Da Redação

Publicado em 25 de abril de 2011 às 06h56.

Washington - O casamento do príncipe William com Kate Middleton não vem tendo grande repercussão nos Estados Unidos, de acordo com uma nova pesquisa que revela que apenas 6% dos americanos acompanham seus preparativos com frequencia.

A pesquisa conjunta do jornal "The New York Times" e da rede de televisão "CBS" indica que 22% dos americanos acompanham o grande acontecimento social do Reino Unido apenas de vez em quando.

As mulheres são as que mais acompanham os detalhes do casamento, que será celebrado na próxima sexta-feira.

Cerca de um terço das mulheres de menos de 40 anos disse que acompanha os detalhes do casamento de vez em quando, enquanto mais da metade dos homens americanos afirmou que não está acompanhando os preparativos.

"The New York Times" lembra neste sábado em seu site que a princesa Diana continua sendo o membro mais popular da realeza britânica entre os americanos mais de 13 anos após sua morte.


Cerca de 75% dos adultos consultados pela pesquisa têm uma opinião favorável a Lady Di e a maioria dos americanos também considera que anel de noivado de safira azul rodeado de diamantes que pertenceu à Diana foi o presente perfeito para Kate.

Em novembro, o príncipe William comentou sobre o anel da mãe ao anunciar seu noivado com Kate.

"Obviamente ela não vai estar aqui para compartilhar toda esta emoção e esta foi minha maneira de mantê-la perto de tudo que está nos acontecendo", disse o príncipe à imprensa na ocasião.

Os americanos estão mais divididos sobre o príncipe Charles. Segundo o "The New York Times", 38% aprovam o príncipe, enquanto 29% têm uma opinião negativa sobre ele.

A pesquisa foi feita por telefone com 1.224 adultos entre 15 e 20 de abril e tem uma margem de erro de 3%.

Acompanhe tudo sobre:CelebridadesEstados Unidos (EUA)EuropaFamília real britânicaPaíses ricosReino Unido

Mais de Mundo

Trump diz que quer ser 'presidente de todos' e detalha tiro que levou em 1º discurso após atentado

Trump fará 1º comício após ataque neste sábado, em condado decisivo para a eleição

Eleições nos EUA: Trump discursa na Convenção Republicana nesta quinta; assista ao vivo

Eleições nos EUA: Quem são e o que pensam os eleitores republicanos?

Mais na Exame