Invest

Renda fixa não morreu? Prefixado paga 14,25% ao ano e tem FGC

Analista de renda fixa encontrou CDB que pode gerar lucros maiores que do Tesouro Direto – retorno bruto em todo o período do investimento é de 50%

Empíricus
Empíricus

Conteúdo Promocional

Publicado em 13 de maio de 2024 às 15h00.

14,25% ao ano com um título de renda fixa. Mesmo com o avanço do ciclo de queda da Selic, retornos como esses ainda podem ser encontrados em ativos “turbinados”. Este é o caso de um CDB prefixado com vencimento em 2027 que foi encontrado pela analista Lais Costa, da Empiricus Research. 

Em todo o período do investimento, o ativo pode entregar um lucro acumulado bruto de quase 50%.

Para ter ideia do potencial desse CDB “premium”, dê uma olhada no retorno oferecido pelo título prefixado do Tesouro Direto com o mesmo vencimento:

Fonte: Tesouro Direto

Ou seja: o ativo tem uma taxa de retorno 33% maior que a do título público. Apesar de não ter a garantia de um título do governo, ele conta com a segurança da renda fixa e a cobertura do FGC (Fundo Garantidor de Crédito) de até R$ 250 mil por CPF.

Veja uma simulação de R$ 5 mil investidos nos dois títulos:

Fonte: iDinheiro/Seu Dinheiro/Money Times

Com a queda da taxa básica de juros, que hoje está a 10,75% ao ano e com perspectiva de cair ainda mais, garantir uma taxa de 14,25% ao ano se mostra ainda mais atrativo, visto que se trata um retorno mensal bruto de mais de 1% – o que é raridade no cenário atual.

GRATUITO: CONHEÇA ESTE CDB AQUI

Investimento pode entregar lucros atrativos, mas não é a única oportunidade na renda fixa

Esse CDB de fato tem um retorno muito acima da média do que está sendo encontrado no mercado. E, com o avanço do ciclo de queda dos juros, taxas como essas se tornarão cada vez mais “raras”.

Mas a verdade é que esse ativo é apenas um exemplo dos vários títulos de renda fixa “premium” que são garimpados semanalmente pela analista Lais Costa.

Trata-se de uma curadoria do que há de mais atrativo e que pode encher o bolso do investidor na renda fixa. Isso, claro, sem abrir mão de bons emissores.  

No caso desse CDB com retorno de 14,25%, por exemplo, o banco possui uma classificação de risco AAA dada pela Fitch Ratings, o que mostra que o risco de “calote” do investimento é baixíssimo e, de qualquer maneira, há a segurança do FGC.

Ou seja, a analista seleciona apenas ativos que aliam alta qualidade e retornos acima da média.

Um outro título recomendado recentemente nesta carteira semanal foi um CDB prefixado a 11,35% ao ano – menos que os 14,25% a.a., mas ainda assim bem acima do que está sendo oferecido pelo Tesouro Direto. 

Imagine: o investidor não precisa ter o trabalho de abrir conta em diversas corretoras e buscar os melhores títulos de renda fixa para investir agora. É possível contar com uma equipe especializada em fazer isso por você sem precisar gastar nem um centavo.

Isso porque essa seleção é feita de forma 100% gratuita, como uma cortesia da casa da Empiricus Research, que faz parte do grupo BTG Pactual.

E qualquer investidor interessado em ter bons ativos de renda fixa na carteira pode receber o “menu” semanal de graça. Basta acessar este link, seguir as instruções e em poucos passos já receberá as melhores indicações semanalmente.

Chega de se contentar com ativos com rentabilidade “pífia” ou que não valem a pena para uma boa estratégia de investimentos.

Para conhecer os melhores ativos do mercado, basta clicar no botão abaixo:

GRATUITO: CONHEÇA OS MELHORES TÍTULOS DE RENDA FIXA PARA INVESTIR AGORA

* Este conteúdo é apresentado por Empiricus

Acompanhe tudo sobre:branded marketing

Mais de Invest

Dinheiro esquecido: mais de R$ 8 bi estão disponíveis para devolução; veja como sacar

Quanto devo investir para ter uma aposentadoria de R$ 10 mil?

Quanto rende R$ 1 milhão a 110% do CDI?

É obrigatório contratar advogado para fazer um testamento?

Mais na Exame