Acompanhe:

Oferta de US$ 5,8 bi pela Macy's, maior rede de departamento dos EUA, faz ações dispararem 20%

Proposta é do grupo de investidores Arkhouse Management e Brigade Capital Management e está US$ 1 bilhão acima do atual valor de mercado da varejista

Modo escuro

Continua após a publicidade
Macy's: maior rede de departamento dos EUA pode sair do mercado de ações (Leandro Fonseca/Exame)

Macy's: maior rede de departamento dos EUA pode sair do mercado de ações (Leandro Fonseca/Exame)

O varejo americano parece ter novidades: um grupo de investidores privados fez uma oferta de US$ 5,8 bilhões pela Macy’s, maior rede de lojas de departamento dos Estados Unidos. A informação foi publicada pelo Wall Street Journal e logo nas negociações de pré-mercado desta segunda-feira, 11, as ações da varejista disparavam mais de 20%. Horas depois do mercado abrir, as ações seguiam em forte valorização. Às 12h23 (horário de Brasília), os papéis subiam 16,45%.

Os interessados em adquirir a rede de departamentos são a Arkhouse Management, uma empresa de investimentos com foco no setor imobiliário, e a Brigade Capital Management, uma gestora de ativos global. No dia 1º de dezembro, a dupla ofereceu US$ 21 por ação da Macy’s, o que representaria um prêmio de 32% acima do preço de fechamento na sexta-feira, 8, de US$ 17,39. O Conselho da Macy’s se reuniu para discutir a proposta, mas não está claro como a varejista irá se posicionar.

A oferta é US$ 1 bilhão acima do atual valor de mercado da varejista. De acordo com o Wall Street Journal, o grupo de investidores acredita que a Macy's está subvalorizada nos mercados públicos. Por conta disso, estaria disposto a aumentar o seu lance. Um banco de investimento também publicou uma carta apoiando a capacidade do grupo de obter o financiamento necessário para concluir um negócio.

Forte marca

A Macy’s é fortemente conhecida nos EUA devido ao patrocínio de um desfile de Ação de Graças que acontece desde 1924. Atualmente, a empresa opera cerca de 500 lojas de departamento, sendo que o outlet localizado na Herald Square (NY) é uma das maiores lojas de departamento do mundo. Ela também possui a Bloomingdale's, uma rede de lojas de departamentos sofisticadas com mais de 30 lojas e, desde 2015, a rede de beleza e cuidados com a pele Bluemercury, que hoje possui quase 160 lojas.

No último ano fiscal, a Macy's reportou lucro de US$ 1,2 bilhão e receita de US$ 24,4 bilhões, o que representa uma diminuição em relação aos US$ 1,4 bilhão de lucro e US$ 24,5 bilhões em receitas em 2021. Há quase uma década, em 2014, a empresa registrava mais de US$ 28 bilhões em vendas.

Pressão do setor imobiliário

Tanto a Arkhouse Management como a Brigade Capital Management já possuem participação na Macy's, através de fundos administrados pela Arkhouse. A Starboard Value também construiu uma participação em 2015, pressionando a empresa a desmembrar seus ativos imobiliários, incluindo a mais famosa localização na Herald Square (NY). Seis anos depois, em 2021, a Jana Partners também tinha ações da Macy's e pressionou a rede de departamento para a separação do comércio eletrônico.

No último ano, as ações da Macy’s despencaram mais de 20%, reflexo da forte concorrência vinda do varejo digital. Em 2020, a rede anunciou o encerramento de 125 lojas e o corte de 2 mil funcionários em sua sede em Cincinnati e escritórios em São Francisco. Em 2015, para se ter uma ideia, a ação era negociada a US$ 70 - antes da chegada dos rivais digitais.

A empresa também se prepara para uma transição de comando. Jeff Gennette, CEO da companhia desde 2017, anunciou que deve se aposentar em fevereiro. Gennette finaliza seus últimos meses direcionando esforços para a recuperação da empresa, com o fechamento de locais com baixo desempenho e a abertura de lojas de formatos menores, além do lançamento de novas marcas. Tony Spring, presidente da Bloomingdale's é quem deve sucedê-lo.

Confira as últimas notícias de Invest:

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Grupo americano Macy's anuncia o fechamento de 150 lojas
seloNegócios

Grupo americano Macy's anuncia o fechamento de 150 lojas

Há 8 horas

Energias renováveis movimentam R$ 50 bilhões em fusões e aquisições em 10 anos
ESG

Energias renováveis movimentam R$ 50 bilhões em fusões e aquisições em 10 anos

Há um dia

Em negócio de R$ 20 milhões, empresa de SP compra startup para agilizar comércio no exterior
seloNegócios

Em negócio de R$ 20 milhões, empresa de SP compra startup para agilizar comércio no exterior

Há 4 dias

Banco Master compra Will Bank e dá salto no varejo
Exame IN

Banco Master compra Will Bank e dá salto no varejo

Há 4 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais