Acompanhe:

Gavekal: na semana de Cop28 e Opep+, mercado está pessimista com oferta e demanda de energia

Encontros começam amanhã e ocorrem num contexto de desacordo entre os consumidores de energia e os produtores de petróleo

Modo escuro

Continua após a publicidade
Gavekal: semana será marcado por dois eventos importantes para o mercado energético, a Cop28 e a reunião da Opep+ (Olga Rolenko/Getty Images)

Gavekal: semana será marcado por dois eventos importantes para o mercado energético, a Cop28 e a reunião da Opep+ (Olga Rolenko/Getty Images)

O final desta semana será marcado por dois eventos importantes para o mercado energético: a Cop28 e a reunião da Opep+. Ambos os encontros começam amanhã, 30, e, como aponta a Gavekal Research, ocorrem em um contexto de desacordo entre os consumidores de energia das economias ricas e os produtores de petróleo dos países em desenvolvimento.

Na avaliação da consultoria, o cartel terá um papel de “protagonista financeiro” visto que o petróleo tem oscilado e as apostas para o preço do barril tem variado entre US$ 70 a US$ 100. “Entretanto, os pessimistas esperam que a oferta continue a crescer, depois de os produtores que não estão vinculados às cotas da Opep+, incluindo Irã e Venezuela, membros do cartel, e não-membros, como Estados Unidos e Brasil, terem surpreendido em 2023 com o tamanho dos seus aumentos de produção”, escreve Tom Holland, analista da Gavekal.

Pessimismo do mercado

O especialista ainda aponta que assim como o mercado esteve excessivamente otimista em setembro, na última reunião da Opep+, o cenário mudou e atualmente está “demasiado pessimista” para a próxima. 

Entre os fatores que contribuem para o sentimento, destaca-se que os produtores cuja produção surpreendeu positivamente neste ano terão dificuldade em repetir o desempenho em 2024. “Na maior parte dos casos, seus aumentos de produção foram alcançados por meio da entrada em funcionamento da capacidade existente, em vez de acrescentar nova capacidade.”

Junto a isso, a possibilidade de que o preço do barril do petróleo caia para a casa dos US$ 70 que fará com que os membros do cartel aceitem o prolongamento do corte na produção da matéria-prima. “Como resultado, os ursos provavelmente permanecerão enjaulados por enquanto, com o petróleo continuando a ser negociado na sua ampla faixa de US$ 80-100/bbl para o Brent em 2024”, afirma Holland.

Visão de longo prazo

O relatório da Gavekal destaca, ainda, que com a reunião da Opep+ fora do caminho, a atenção na Cop28 se voltará para o futuro a longo prazo — e mais precisamente para os hidrocarbonetos como fonte de energia. Inclusive, o período antecedente ao encontro foi marcado por divergências entre a Opep e a Agência Internacional de Energia (AIE). Enquanto a primeira prevê um pico no consumo do petróleo em 2045, a segunda aposta para 2030.

“É evidente que ambos os grupos não podem estar certos. Nas próximas semanas, a Gavekal analisará mais de perto o cenário da procura de petróleo e gás a médio e longo prazos. O que estiver mais próximo da realidade, as implicações irão influenciar fundamentalmente o quadro do investimento global nos próximos anos”, diz Holland.

Veja também:

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Donas da Ozempic e Mounjaro dobram de tamanho em um ano e superam valor de todo o mercado brasileiro
seloMercados

Donas da Ozempic e Mounjaro dobram de tamanho em um ano e superam valor de todo o mercado brasileiro

Há 11 horas

BCE pode ter razões para cortar juros antes do Fed pela primeira vez, diz Gavekal
seloMercados

BCE pode ter razões para cortar juros antes do Fed pela primeira vez, diz Gavekal

Há 14 horas

Mega-Sena acumulada: quanto rendem R$ 120 milhões na poupança
seloMercados

Mega-Sena acumulada: quanto rendem R$ 120 milhões na poupança

Há 14 horas

Na expectativa dos resultados do 4T23, BRF (BRFS3) dispara no Ibovespa e puxa alta de frigoríficos
seloMercados

BRF (BRFS3) dispara no Ibovespa e puxa alta de frigoríficos

Há 15 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais