Acompanhe:

Os investidores estão o menos pessimistas em relação à renda variável desde fevereiro do ano passado, antes de o Federal Reserve iniciar o ciclo de aperto monetário mais agressivos em décadas, segundo a mais recente pesquisa do Bank of America com gestores globais.

Em outro sinal de melhora da confiança, a alocação dos investidores em ações está o menos ‘underweight’ desde abril de 2022, disseram estrategistas do BofA liderados por Michael Hartnett.

Os resultados da pesquisa refletem a recuperação das ações globais este ano, com expectativas de que os juros estejam próximas de um pico e de que o crescimento se mantenha melhor do que o esperado.

Hartnett disse que os investidores cada vez mais esperam que a inflação desacelere nos próximos 12 meses, levando a convicção em cortes de juros dentro de um ano a níveis vistos pela última vez em novembro de 2008.

E embora os participantes continuem acreditando que o crescimento global se enfraquecerá nos próximos 12 meses, as expectativas “melhoraram significativamente em agosto” e as preocupações com recessão estão desaparecendo.

Os investidores globais cada vez mais esperam que não haverá recessão nos próximos 18 meses, e um “pouso suave” nos próximos 12 meses continua sendo o cenário principal, disse Hartnett.

Em agosto, os investidores compraram ações de tecnologia, energia e bancos, enquanto venderam papéis do setor industrial, bens discricionário e concessionárias públicas, segundo a pesquisa.

Os gestores estão agora com maior peso em tecnologia desde dezembro de 2021, um mês depois que o Nasdaq 100 atingiu nível recorde. As alocações para ações dos EUA e da zona do euro caíram este mês, enquanto subiram os fluxos para mercados emergentes, Japão e Reino Unido.

Hartnett alertou que, apesar da melhora do sentimento, o forte vento favorável do desmonte de posições vendidas no primeiro semestre desaparecerá agora no segundo. Os investidores acham que o maior risco é que a inflação mantenha os principais bancos centrais hawkish.

A pesquisa foi realizada entre 4 e 10 de agosto, com 211 participantes que têm US$ 545 bilhões em ativos sob gestão.

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Em momento de baixa nas ofertas públicas de ações nos EUA, 'IPO privado' aparece como opção
seloMercados

Em momento de baixa nas ofertas públicas de ações nos EUA, 'IPO privado' aparece como opção

Há 12 horas

Cenário está bem para uma Selic terminal mais para 9,5%, diz ex-diretor do BC
seloMercados

Cenário está bem para uma Selic terminal mais para 9,5%, diz ex-diretor do BC

Há 18 horas

Quem foi Charlie Munger, homenageado em carta anual de Warren Buffett
seloMercados

Quem foi Charlie Munger, homenageado em carta anual de Warren Buffett

Há um dia

Os "negócios maravilhosos" para investir, segundo Warren Buffett
seloMercados

Os "negócios maravilhosos" para investir, segundo Warren Buffett

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais