Future of Money
Acompanhe:

Opinião: Confiança no mercado é a chave para lucrar com NFTs

Ainda que o mercado de NFTs tenha sofrido momentos de oscilação, os tokens não fungíveis vieram para ficar

Mesmo em queda, NFTs podem ser lucrativos (SOPA Images/Getty Images)

Mesmo em queda, NFTs podem ser lucrativos (SOPA Images/Getty Images)

D
Da Redação

Publicado em 3 de dezembro de 2022, 10h00.

Por Sylmara Multini*

Em um momento de oscilação do mercado e notícias que trazem insegurança para investidores, como o recente colapso da corretora de criptomoedas FTX, é importante que todos os interessados no setor saibam: os bens digitais vieram para ficar.

Como qualquer outro tipo de investimento, os valores dos ativos digitais estão sujeitos a volatilidade. Imprevistos e reviravoltas são riscos que estão presentes em bolsas de valores, aplicações bancárias, entre outros. Por se tratar de um mercado ainda recente, existe um temor maior sobre a solidez de bens digitais.

(Mynt/Divulgação)

A quebra de um player importante, como a FTX, sempre irá causar impacto no mercado, como aconteceria em qualquer outro setor. Nosso país pode ser um exemplo disso: quando a confiança de investidores diminui, seja por instabilidade política ou qualquer outro motivo, as ações de empresas nacionais tendem a perder valor, a cotação do dólar aumenta, assim como os preços de alimentos e outros produtos.

Em cenários deste tipo, é importante ter serenidade e identificar se a situação é passageira antes de tomar atitudes precipitadas e, consequentemente, perder dinheiro. Um dos trunfos do mercado digital é a descentralização, ou seja, não existe uma única moeda como referência, fator que facilita uma recuperação mais rápida e aumenta a independência do setor.

Criptomoedas,  e bens digitais em geral,  são investimentos a longo prazo. Aqueles que investem neste momento ainda inicial do mercado precisam ter como meta colher os frutos em um futuro que bate à nossa porta, que está prestes a chegar. Neste ponto, com o mercado de ativos digitais consolidado e completamente inserido no cotidiano das pessoas, um produto adquirido agora terá muito mais valor e relevância. Trata-se de uma situação do tipo “comprar e manter”.

Por isso, se você investiu em criptomoedas, NFTs ou qualquer outro tipo de ativo digital, meu conselho é que não tome atitudes drásticas neste momento de oscilação. Assim como cai, o mercado também apresenta variações positivas. São inúmeros os exemplos de pessoas que fizeram compras despretensiosas neste ramo e acabaram com valorizações inesperadas.

Como dito no início, volto a reforçar: os bens digitais vieram para ficar. O que estamos vendo não é o fim, e sim uma oscilação de um mercado que ainda busca comprovar sua solidez. Investir nestes ativos agora significa direcionar parte do patrimônio em um inevitável futuro mais digital e descentralizado.

*Sylmara Multini é CEO da IDG.

Aproveite todas as possibilidades do mundo crypto. A Mynt ajuda você a explorar o melhor do mercado com segurança e diversidade de criptomoedas. Clique aqui para abrir sua conta.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube | Telegram | Tik Tok