Future of Money

NotCoin: CEO do Telegram elogia criptomoeda após estreia com alta de até 4.650%

Nova criptomoeda ganhou popularidade entre investidores por estar ligada a jogo lançado no aplicativo de mensagens

Nova criptomoeda ligada ao Telegram estreou nesta semana (SOPA Images / Colaborador/Getty Images)

Nova criptomoeda ligada ao Telegram estreou nesta semana (SOPA Images / Colaborador/Getty Images)

Da Redação
Da Redação

Redação Exame

Publicado em 17 de maio de 2024 às 12h09.

Pavel Durov, CEO do Telegram, elogiou nesta sexta-feira, 17, a criptomoeda NotCoin, que estreou no mercado na véspera e tem chamado a atenção de investidores. O ativo está ligado a um jogo popular que foi lançado recentemente no próprio aplicativo de mensagens de Durov.

Em uma mensagem para os inscritos em seu canal no aplicativo, Durov comentou que "a NotCoin, um mini aplicativo no Telegram, alcançou mais de 35 milhões de usuários ativos em apenas alguns meses. Essa incrível história de sucesso mostra quão poderoso os ecossistemas do Telegram e do Ton são para os desenvolvedores".

"De repente, os usuários da NotCoin que apenas jogavam um jogo por diversão podem converter a moeda que obtiveram no jogo em um dinheiro de verdade", destacou o executivo. Além de ser lançada em diversas corretoras, a criptomoeda também teve um airdrop, espécie de distribuição gratuita para usuários.

O ativo foi criado a partir do blockchain Ton, que está ligado ao Telegram e foi escolhido pela plataforma de mensagens como sua rede principal para desenvolvimento de projetos. Ao todo, mais de 80 bilhões de tokens foram distribuídos gratuitamente para usuários, junto com o início de negociações em exchanges.

O jogo que deu origem à criptomoeda é simples: os jogadores recebem moedas virtuais ao clicarem em uma grande moeda que aparece na interface de chat do Telegram. Com o lançamento, é possível agora converter essas moedas em unidades de NotCoin, gratuitamente.

Nas últimas 24 horas, o ativo teve mais de US$ 1 bilhão em volume negociado, o colocando entre os dez criptoativos mais negociados no período. No momento, cerca de 678 mil carteiras digitais possuem alguma unidade do ativo, com uma capitalização de mercado de cerca de US$ 700 milhões.

Além disso, a criptomoeda chegou a registrar altas de até 4.650% logo após a sua estreia, mas ainda apresenta alta volatilidade. No momento, o ativo é negociado a US$ 0,0069, segundo dados do CoinGecko, com uma alta diária de 6%, mas distante do pico de US$0,037.

"Imagine – centenas de milhões de dólares em valor foram criados para usuários do Telegram neste mini aplicativo do nada em questão de meses. Agora estamos vendo uma grande onda de novos mini apps sendo desenvolvidos no Telegram e no Ton", comentou Durov.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube Telegram | TikTok

Acompanhe tudo sobre:TelegramCriptomoedasCriptoativos

Mais de Future of Money

Prefeitura do RJ anuncia parceria com ABcripto para conscientização sobre criptoativos

Blockchain Poldkadot anuncia parceria com UTFPR para reforçar aposta no Brasil

Donald Trump lançou criptomoeda própria? Rumor faz ativo disparar mais de 100%

Inteligência artificial, blockchain e mais: qual será a tecnologia dos empregos do futuro?

Mais na Exame