Acompanhe:

É possível ganhar criptomoedas de graça? Essa pergunta já deve ter passado pela cabeça de alguém que se interessou em algum momento pelo mundo cripto. E, na verdade, isso não está distante da realidade, graças aos chamados airdrops. Apesar de serem antigos, esses eventos do mercado ganharam destaque nos últimos meses.

A estratégia tem chamado atenção principalmente após as distribuições de tokens como do ARB, da rede Arbitrum, em 2023. Dados da plataforma CoinGecko apontam que 2023 contou com 13 dos 50 maiores airdrops do mercado, somando mais de US$ 4,56 bilhões em criptomoedas que foram enviadas para usuários.

Depois que as criptomoedas são enviadas, os usuários podem fazer o que quiserem com o ativo, desde vendas até acúmulo esperando valorizações futuras. Ao mesmo tempo, é preciso entender o que são os airdrops para conseguir participar deles e, também, evitar golpes.

O que é um airdrop de cripto?

Os airdrops são distribuições gratuitas de criptomoedas e tokens para carteiras digitais que vão armazenar essas moedas digitais. O termo em inglês é uma combinação das palavras "air", que significa ar, e "drop", que significa queda. Ele se refere à distribuição de materiais por aviões, que ganharam esse nome por literalmente caírem do céu.

Na prática, os airdrops são uma estratégia de atração de usuários e projetos para redes blockchains. A ideia é estabelecer condições para o recebimento dos ativos que levem a uma atividade maior na rede. Em troca, há o envio das criptomoedas como uma recompensa pela fidelidade ao projeto.

João Galhardo, especialista na Mynt, plataforma cripto do BTG Pactual, explica que "o objetivo deles pode variar, desde promover um protocolo até recompensar usuários leais de um determinado nicho, protocolo, blockchain, também com o objetivo de criar uma base de usuários mais ampla".

Como funcionam os airdrops?

Os airdrops funcionam a partir da seleção de um grupo de carteiras digitais e seus respectivos donos que vão receber uma quantia de criptomoedas de forma gratuita. Para isso, cada projeto define alguns critérios que vão determinar se a carteira tem direito, ou não, a receber os ativos.

Em geral, porém, os critérios só são revelados após a seleção pela rede, o que busca evitar que os usuários realizem apenas atividades específicas que atendam aos critérios de elegibilidade. Dependendo do grau de cumprimento, há o recebimento de um montante equivalente dos tokens.

Quais os tipos de airdrops?

Os airdrops de criptomoedas são divididos em quatro tipos: admissão geral, recompensa, para holders e exclusivos. O primeiro tipo é o que exige menos participação do usuário, em geral apenas um cadastro em uma plataforma. Já o segundo envolve o cumprimento de mais atividades para obter uma recompensa.

O terceiro tipo, focado nos chamados holders, exige que o investidor já tenha algumas unidades da criptomoeda em sua carteira, recebendo em troca uma quantidade gratuita. Já os exclusivos exigem um envolvimento ainda maior com o projeto, em geral sendo reservado a investidores iniciais, parceiros e membros mais antigos e ativos da comunidade de usuários.

Quanto custa um airdrop?

O airdrop é realizado de forma gratuita pelo projeto. de criptomoeda Na prática, porém, os usuários precisam atender aos requisitos para ser elegível para receber os ativos. Em muitos casos, os critérios envolvem um determinado número de transações na carteira, ou seja, é preciso ter um "investimento" mínimo para participar do processo.

Qual foi o primeiro airdrop com cripto?

O primeiro airdrop de criptomoedas ocorreu em 2014. O "pioneiro" do mercado foi a Auroracoin, que na época tinha sido idealizada como uma moeda digital nacional que seria usada na Islândia. No fim, a estratégia adotada pelo projeto acabou ganhando muito mais popularidade que a moeda em si, que está longe da lista das maiores do mercado.

O JEITO FÁCIL E SEGURO DE INVESTIR EM CRYPTO. Na Mynt você negocia em poucos cliques e com a segurança de uma empresa BTG Pactual. Compre as maiores cryptos do mundo em minutos direto pelo app. Clique aqui para abrir sua conta gratuita.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube Telegram | Tik Tok

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Ainda dá tempo de comprar criptomoedas e lucrar com elas?
Future of Money

Ainda dá tempo de comprar criptomoedas e lucrar com elas?

Há 17 horas

Em 2023, investidores ganharam US$ 37,6 bilhões com criptomoedas; o que esperar deste ano?
Future of Money

Em 2023, investidores ganharam US$ 37,6 bilhões com criptomoedas; o que esperar deste ano?

Há 18 horas

Nem tudo é otimismo: especialistas questionam impacto do halving no preço do bitcoin
Future of Money

Nem tudo é otimismo: especialistas questionam impacto do halving no preço do bitcoin

Há um dia

Bitcoin terá "evento do ano": especialistas veem halving com otimismo e projetam disparada de preço
Future of Money

Bitcoin terá "evento do ano": especialistas veem halving com otimismo e projetam disparada de preço

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais