Fotos inéditas de Kobe Bryant são transformadas em NFTs e vão a leilão

Ação beneficente é parte das homenagens do 'Kobe Bryant Day' e pretende arrecadar dinheiro para a fundação criada pelo astro do basquete norte-americano

Fotos inéditas do lendário jogador de basquete da NBA, Kobe Bryant, foram transformadas em tokens não-fungíveis (NFTs) e colocadas em leilão nesta terça-feira, 24, dia em que é comemorado o "Kobe Bryant Day" em Los Angeles, cidade dos EUA onde o atleta passou toda sua carreira - a data faz referência aos números que ele utilizou como jogador - 8 e 24 -, e acontece um dia após a data do seu aniversário.

A coleção, chamada "Kobe", é composta por oito fotos do jogador que foram tiradas em 1999, quando o "Mamba Negra" tinha apenas 21 anos e estava há apenas três na NBA - ele ainda ficaria outros 17 anos na liga norte-americana de basquete, todos no Los Angeles Lakers, até sua aposentadoria em 2016.

Transformadas em NFTs, que são uma espécie de criptoativos, as fotografias serão leiloadas na plataforma Cryptograph e todo o valor arrecadado será revertido para a Mamba & Mambacita Sports Foundation, uma organização não-governamental que desenvolve programas ligados aos esportes em comunidades carentes.

Inicialmente chamada Mamba Sports Foundation, a instituição foi renomeada após o acidente que matou Kobe Bryant, sua filha Gianna e outras sete pessoas, em janeiro de 2020, para homenagear também a filha do atleta, que também jogava basquete e ostentava o apelido inspirado no do seu pai.

As fotos transformadas em NFT foram tiradas por Davis Factor, em Los Angeles, antes da carreira do astro decolar. "Acho que esse ensaio é especial porque é um dos seus primeiros ensaios de moda", disse o fotógrafo à Business Insider. "O objetivo desse drop [como são chamados os lançamentos de NFTs] dos NFTs de Kobe Bryant, para mim, é levantar o máximo de dinheiro possível para doar à sua instituição".

"Estou muito empolgado que o meu amigo Davis Factor tenha nos permitido imortalizar essas raras fotografias de Kobe Bryant e que esses NFTs ajudem a manter o seu legado a sua fundação", disse Tommy Alastra, cofundador da Cryptograph, também à publicação norte-americana.

Uma das personalidades mais admiradas nos EUA e também por fãs de basquete do mundo todo, o nome de Kobe Bryant costuma movimentar milhares de pessoas onde quer que apareça - dos modelos de tênis assinados por ele aos filmes e programas de TV que têm sua participação. Por isso, e considerando as cifras envolvidas na venda de outros NFTs de celebridades, a expectativa é que o montante arrecadado atinja a cifra de milhões de dólares.

O mercado de NFTs é um dos setores da indústria de criptoativos que mais tem ganhado popularidade nos últimos meses, movimentando cifras bilionárias todos os meses. Plataformas que utilizam a tecnologia têm conseguido atingir usuários em escala global, em diferentes frentes, como games como Axie Infinity, colecionáveis como o NBA Top Shot, criptoarte, em marketplaces especializados, entre outros.

Na segunda-feira, a Visa anunciou a compra do seu primeiro NFT, um CryptoPunk que será colocado na coleção de objetos e arte da empresa, cujos ítens são focados na história dos meios de pagamento. O pequeno desenho foi adquirido por mais de 800 mil reais.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também