Esporte
Acompanhe:

Universidade de Oxford projeta Brasil campeão da Copa do Mundo do Catar

O estudo utiliza um modelo matemático criado pelo doutor e pesquisador do instituto de matemática da instituição britânica Joshua Adam Bull

Copa do Mundo: A projeção simulou os jogos da primeira fase de grupos do mundial (Lucas Figueiredo/CBF/Flickr)

Copa do Mundo: A projeção simulou os jogos da primeira fase de grupos do mundial (Lucas Figueiredo/CBF/Flickr)

A
André Martins

18 de novembro de 2022, 21h00

Um estudo publicado pela Universidade de Oxford, do Reino Unido, nesta sexta-feira, 18, apontou que o Brasil é o favorito ao título da Copa do Mundo. A projeção foi divulgada a poucos dias da abertura da competição que começa no domingo, 20 de novembro.

Segundo os dados, o Brasil é a seleção com maior chance de vencer o Mundial, com 14,72%. A Argentina teve 14,36%. Holanda com 7,48% de chance e Espanha com 7,03% são as seleções europeias mais bem colocadas. A França, atual campeã do mundo, está apenas na quinta posição com 6,37%.

A projeção também aponta que a Inglaterra será eliminada nas quartas de final, que Brasil e Argentina irão se enfrentar na semifinal e que a grande final da Copa do Mundo será entre a Seleção Brasileira e a Bélgica. O Brasil seria o campeão neste chaveamento.

(Twitter Oxford/Reprodução)

Para chegar nessa conclusão, o estudo utiliza um modelo matemático criado pelo doutor e pesquisador do instituto de matemática da instituição Joshua Adam Bull.

A projeção simulou os jogos da primeira fase de grupos da Copa do Mundo um milhão de vezes e as partidas da fase mata-mata 100 mil vezes. Os resultados mais comuns foram considerados para a previsão matemática. A simulação analisou os dados do raking Elo e todos os jogos das seleções participantes da competição da Fifa desde 2018.

Bull escreveu em seu perfil no Twitter que embora a sua projeção seja o resultado "mais provável", seu estudo pode apenas ser "mais certeiro que outros cenários alternativos".

LEIA TAMBÉM: