Pacto Global da ONU reunirá lideranças empresariais em São Paulo

Rede Brasil do Pacto Global da ONU realiza na próxima segunda-feira ,25, o evento Ambição 2030, que marca o lançamento da estratégia da instituição para os próximos anos. A iniciativa vai reunir os principais CEOs do país e especialistas em sustentabilidade
 (Divulgação/Fellipe Abreu)
(Divulgação/Fellipe Abreu)
Por Marina FilippePublicado em 20/04/2022 10:32 | Última atualização em 20/04/2022 10:32Tempo de Leitura: 3 min de leitura

A Rede Brasil do Pacto Global da ONU realiza na próxima segunda-feira ,25, o evento Ambição 2030, que marca o lançamento da estratégia da instituição para os próximos anos. A iniciativa vai reunir os principais CEOs e lideranças do setor privado brasileiro no Hotel Rosewood São Paulo, na capital paulista.

Além do público presente, Jeffrey Sachs, economista americano especialista em desenvolvimento sustentável, Sanda Ojiambo, CEO global do Pacto Global da ONU, e Silvia Rucks, coordenadora residente do Sistema ONU no Brasil, também estão confirmados.

A Ambição 2030 é uma estratégia do Pacto Global da ONU de engajamento empresarial com iniciativas concretas, propostas de ações, metas e compromissos em áreas como mudanças climáticas, direitos humanos, saúde mental dos funcionários, gestão hídrica e equidade de gênero e étnico racial.

“Precisamos agir. E precisamos fazer isso agora. Todas as pessoas e entidades públicas e privadas devem fazer a sua parte nas mais diversas áreas. Precisamos construir metas ambiciosas para o futuro, mas também para o agora. Sabemos que o setor privado brasileiro está cada vez mais engajado e contamos com empresárias e empresários nessa construção de metas e ações concretas para que cheguemos aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da melhor forma possível”, afirma Carlo Pereira, diretor executivo da Rede Brasil.

“Para o Pacto Global, é muito importante reunir líderes no lançamento da Ambição 2030 para que, juntos, possamos fazer a diferença. Esse evento no Rosewood São Paulo é um marco significativo para as lideranças empresariais brasileiras”.

Rosewood São Paulo

O jantar marca, ainda, a inauguração do espaço de eventos do Rosewood São Paulo. Localizado no térreo inferior do local, o Matarazzo Ballroom é um elegante espaço de eventos que se destina a sediar os melhores encontros sociais e corporativos da cidade.

O hotel ocupa as instalações do emblemático hospital Maternidade Matarazzo, bem como uma nova torre com jardim vertical. A transformação dos edifícios históricos está enraizada na sustentabilidade e faz do Cidade Matarazzo o maior projeto de revitalização do Brasil, com foco na celebração e proteção do patrimônio cultural e do meio-ambiente.

O Rosewood São Paulo se mostra comprometido em preservar o ambiente natural do Brasil, tendo a sustentabilidade como um dos princípios norteadores do seu desenvolvimento. As características sustentáveis executadas no projeto da propriedade incluem um programa de biodiversidade que repovoa a flora e fauna da Mata Atlântica, incluindo 250 árvores de até 14 metros de altura colocadas verticalmente na Torre Mata Atlântica. 

“É muito simbólico para nós receber o Pacto Global no evento inaugural do nosso centro de eventos. Criamos o projeto Matarazzo para despertar a consciência sobre a catástrofe ambiental e acelerar a mobilização da sociedade para restabelecer o equilíbrio com a natureza. Todas as ações governamentais, institucionais e individuais que visam sustentabilidade são essenciais para a preservação nossa espécie”, afirma Alexandre Allard, fundador do Cidade Matarazzo.

Além do Rosewood São Paulo, o evento tem apoio da Ampibar, do Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC) e da Câmara de Comércio Internacional (ICC Brasil).

Para Rafael Tello, diretor de sustentabilidade da Ambipar, ajudar neste desafio é impulsionar a agenda ESG em prol dos ODS. "Entendemos que uma ação coletiva e ambiciosa para o alcance dos ODS no Brasil é urgente. Por isso começamos essa parceria com o apoio a esse evento, que é uma grande chamada às principais lideranças empresariais do país para que trabalhemos juntos para tornar o Brasil um líder global na promoção da economia circular de baixo carbono, gerando renda e empregos, tão necessários para nossa população".