Esfera Brasil
Um conteúdo Esfera Brasil

Alckmin assina acordo para promover produtos brasileiros na Arábia Saudita

Documento foi firmado na capital, Riad; objetivo é promover artigos brasileiros no mercado saudita

Vice-presidente também assinou Acordo de Cooperação em Defesa com o ministro saudita Khalid bin Salman (Rafa Neddermeyer/Agência Brasil)

Vice-presidente também assinou Acordo de Cooperação em Defesa com o ministro saudita Khalid bin Salman (Rafa Neddermeyer/Agência Brasil)

Esfera Brasil
Esfera Brasil

Plataforma de conteúdo

Publicado em 5 de junho de 2024 às 10h32.

O vice-presidente e ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), Geraldo Alckmin, e o presidente da ApexBrasil, Jorge Viana, assinaram, nesta segunda-feira, 6, um acordo de protocolo de intenções com a maior varejista do Oriente Médio, o Lulu Hypermarket.

O documento foi assinado em Riad, na Arábia Saudita, durante missão oficial do governo brasileiro. O objetivo da iniciativa é promover 200 produtos brasileiros no mercado saudita.

“Estamos dando continuidade ao trabalho iniciado pelo presidente Lula, que esteve aqui no final do ano passado”, afirmou Alckmin. “Para aumentar investimentos e vender nossos produtos, por meio de mais parcerias com a Arábia Saudita, uma das economias mais dinâmicas do mundo, contamos com apoio da Apex”, acrescentou.

Em novembro, por meio do projeto Brasil na Vitrine, os produtos brasileiros estarão no país do Oriente Médio por uma semana. A rede varejista conta com 60 lojas espalhadas pelo território saudita, além de outras 260 na região do Golfo Pérsico. A empresa vai selecionar os produtos e também se encarregará do processo de compra e de logística de importação para Arábia Saudita.

Outras parcerias

Um dos destaques da agenda do vice-presidente foi a assinatura do Acordo de Cooperação em Defesa com o ministro saudita Khalid bin Salman. O documento prevê o aprofundamento das relações entre as nações em diversas áreas, com destaque para indústria, logística e tecnologia.

Apenas em 2023, o comércio bilateral entre os dois países foi de quase US$ 7 bilhões. A Arábia Saudita é o principal parceiro comercial do Brasil no Oriente Médio.

Também integram a comitiva à Arábia Saudita a ministra do Planejamento, Simone Tebet, o ministro da Agricultura, Carlos Fávaro, e a secretária-geral do Ministério de Relações Exteriores, Maria Laura da Rocha, além de empresários de diversos setores.

Fávaro ressaltou o compromisso do Brasil de produzir sem desmatamento e citou que existem oportunidades de investimento em conversão de pastagens degradadas em áreas produtivas, de modo a garantir que o mundo consuma a produção agropecuária de excelência do Brasil sem que se cause desmatamento.

“Nós buscamos mecanismos de produzir com muita sustentabilidade. Cerca de 67% do nosso território está completamente intacto, e há muito que crescer ainda, mas não com desmatamento, não sobre a floresta. Nós temos mais de 40 milhões de hectares de pastagens com altíssimo potencial produtivo. Isso gera oportunidades de segurança alimentar e, também, relações comerciais”, ressaltou.

A perspectiva de novos negócios será um dos temas de diálogo no Fórum Esfera 2024.O evento será realizado nos dias 7 e 8 de junho e contará com a participação de representantes do setor privado e do poder público. Haverá transmissão ao vivo pelo canal da Esfera Brasil no YouTube. Ative as notificações para ser informado ao início de cada painel.

Acompanhe tudo sobre:Geraldo Alckmin

Mais de Esfera Brasil

Entenda o que é depreciação acelerada e porque ela pode estimular a reindustrialização

Sem hierarquia, grupos de trabalho da reforma tributária têm desafio de frear exceções

Otimista por aprovação de LCD, Mercadante vê novo título como impulso à indústria

Boletim de energia aponta crescimento do consumo de etanol automotivo

Mais na Exame