Economia
Acompanhe:

Tarciana Medeiros anuncia duas mulheres para vice-presidências do BB

Também foi anunciado um novo vice-presidente e outros cinco cargos ainda estão com nomes indicados por Jair Bolsonaro

 (Adriano Machado/Bloomberg)

(Adriano Machado/Bloomberg)

A
Agência O Globo

Publicado em 19 de janeiro de 2023, 14h31.

Última atualização em 19 de janeiro de 2023, 15h12.

Tarciana Medeiros, presidente do Banco do Brasil (BB), indicou na noite de quinta-feira duas mulheres e um homem para três vice-presidências da instituição. Há ainda cinco destes cargos com indicados pela gestão de Jair Bolsonaro.

Carla Nesi foi indicada como vice-presidente de Negócios de Varejo. Carla Nesi e Marisa Reghini Matto foram designadas à vice-presidência de Negócios Digitais e Tecnologia. Felipe Guimarães Prince ficará com o cargo de vice-presidente de Controles Internos e Gestão de Riscos.

Medeiros é a primeira mulher a presidir o BB, mas o banco não informa se ela buscará a paridade de gênero em sua diretoria. Ela assumiu a presidência da instituição na segunda-feira.

Até então, Ana Paula de Sousa era a única mulher atuando como vice-presidente do BB. Ela ocupa o cargo de gestão de risco, que agora foi designado para Felipe Guimarães Prince, funcionário de carreira do Banco do Brasil há 22 anos. Prince atua desde 2020 como titular na Diretoria de Crédito da empresa e já trabalhou na Diretoria de Agronegócios e na Diretoria Internacional. Ele é formado em Direito e tem especialização em finanças e MBA em Gestão do Crédito.

Carla Nesi foi indicada para voltar ao Banco do Brasil como vice-presidente de Negócios de Varejo, após deixar a instituição em março de 2022. Ela havia atuado por 30 anos no banco em áreas como relacionamento e estratégia com clientes — incluindo pessoas físicas e micro e pequenas empresas — e foi diretora de Clientes Pessoa Física do BB. Ela é graduada em ciências econômicas e possui MBA em marketing.

Marisa Reghini Mattos, nomeada para a vice-presidência de Negócios Digitais, é funcionária de carreira do Banco do Brasil há 23 anos. Desde 2021 atua como como gerente-geral da Diretoria de Tecnologia, com trabalho centrado na área de Construção de Aplicativos. Mattos tem graduação em sistemas de informação, MBA em engenharia de software e governança de TI, além de especialização em gestão empresarial.

As vice-presidências que continuam com titulares da gestão passada são nas seguintes áreas: Governo e Sustentabilidade Empresarial; Negócios de Atacado; Gestão Financeira e Relações com Investidores; Agronegócios; e Corporativa. O banco não informa quando ocorrerão estas trocas e se alguns destes nomes poderão ser mantidos nas respectivas funções.

Quer receber os fatos mais relevantes do Brasil e do mundo direto no seu e-mail toda manhã? Clique aqui e cadastre-se na newsletter gratuita EXAME Desperta.

LEIA TAMBÉM: