Setor de serviços da China se recupera em dezembro

O índice de serviços visa oferecer um quadro das condições do setor, que responde por menos de 45% da economia chinesa

Pequim - O índice oficial de gerentes de compras (PMI) para o setor de serviços da China recuperou-se fortemente para 56,0 em dezembro, ante 49,7 em novembro, informou nesta terça-feira a Federação Chinesa de Logística e Compras.

Junto com uma leve expansão do PMI no vasto setor manufatureiro em dezembro, o índice mostrou que a desaceleração na segunda maior economia do mundo pode ser modesta, mesmo que políticas de estímulo econômico ainda sejam esperadas.

"O setor de serviços da China voltou ao modo expansão", disse o vice-presidente da Federação Chinesa de Logística e Compras, Cai Jin, em comunicado.

Ele notou que o setor varejista teve um desempenho particularmente forte em dezembro por conta do feriado de Ano Novo.

O componente de novas encomendas subiu para 50,5 em dezembro, ante 47,2 no mês anterior.

O índice de serviços visa oferecer um quadro das condições do setor, que responde por menos de 45 por cento da economia chinesa, muito menos que em países desenvolvidos.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.