Dívida externa estimada pelo BC é de US$ 350,321 bi

A variação da dívida de curto prazo foi explicada principalmente por empréstimos tomados pelo setor financeiro (US$ 145 milhões)

Brasília - A estimativa do Banco Central para a dívida externa brasileira em outubro é de US$ 350,321 bilhões. O último dado verificado pela instituição foi em junho e estava em US$ 349,225 bilhões.

Segundo a autarquia, em dezembro de 2014, a dívida estava em US$ 352,684 bilhões.

No fim de 2013, a dívida era de US$ 312,517 bilhões. A dívida externa de longo prazo atingiu US$ 286,500 bilhões em outubro, enquanto o estoque de curto prazo ficou em US$ 63,821 bilhões no fim do mês passado, segundo as estimativas do BC.

De acordo com a instituição, dentre os determinantes da variação da dívida externa de longo prazo em outubro, destacam-se os empréstimos líquidos tomados pelo setor financeiro (US$ 298 milhões), a amortização de títulos pelo setor financeiro (US$ 749 milhões) e a elevação provocada pela variação de preços de US$ 597 milhões.

A variação da dívida de curto prazo foi explicada principalmente por empréstimos tomados pelo setor financeiro (US$ 145 milhões) e amortizações de empréstimos do setor não financeiro de US$ 715 milhões.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.