CMO aprova lei orçamentária anual e preserva Bolsa Família

A Comissão Mista de Orçamento aprovou o projeto de Lei Orçamentária de 2016 preservando os recursos do Bolsa Família, conforme desejado pelo governo

Brasília – A Comissão Mista de Orçamento (CMO) aprovou nesta quarta-feira o projeto de Lei Orçamentária (LOA) de 2016 preservando os recursos do Bolsa Família, conforme desejado pelo governo, ação possível após a redução da meta de superávit primário do setor público consolidado de 0,7 para 0,5 por cento do Produto Interno Bruto (PIB), mas sem possibilidade de abatimento.

Com isso, o principal programa social do governo continuará com orçamento de cerca de 28 bilhões de reais.

O relator do texto, deputado Ricardo Barros (PP-PR), havia proposto que ele sofresse corte de 10 bilhões de reais.

A LOA ainda precisa ser aprovada pelo Congresso Nacional em sessão conjunta.

Suporte a Exame, por favor desabilite seu Adblock.