Economia

BC altera regras do recolhimento compulsório

Os bancos poderão utilizar até R$ 18 bilhões a mais na realização de novas operações de crédito para financiamento de automóveis e de veículos comerciais leves

A injeção de recursos faz parte das medidas anunciadas ontem (21) pelo governo para estimular o consumo de veículos e bens de capital (Vanderlei Almeida/AFP)

A injeção de recursos faz parte das medidas anunciadas ontem (21) pelo governo para estimular o consumo de veículos e bens de capital (Vanderlei Almeida/AFP)

DR

Da Redação

Publicado em 22 de maio de 2012 às 10h58.

Brasília – As mudanças nas regras do recolhimento compulsório – valores que os bancos devem manter depositados no Banco Central – sobre recursos a prazo passam a valer hoje (22). A circular foi publicada no Diário Oficial da União.

As instituições financeiras poderão utilizar até R$ 18 bilhões a mais na realização de novas operações de crédito para financiamento de automóveis e de veículos comerciais leves. De acordo com o BC, esses recursos representam cerca de 10% do total de crédito concedido ao setor.

A injeção de recursos faz parte das medidas anunciadas ontem (21) pelo governo para estimular o consumo de veículos e bens de capital. Entre as medidas, está a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) dos automóveis que, em algumas categorias, poderá chegar a zero.

Acompanhe tudo sobre:aplicacoes-financeirasAutoindústriaBanco CentralCarrosfinanciamentos-pessoaisMercado financeiroVeículos

Mais de Economia

Novos dados aumentam confiança do Fed em desaceleração da inflação, diz Powell

Lula pede solução de contradições de europeus para acordo com Mercosul

Crescimento econômico da China desaponta e pressiona Xi Jinping

Prévia do PIB: IBC-Br sobe 0,25% em maio, após estabilidade em abril

Mais na Exame