Economia
Acompanhe:

Acordo de exportação entre União Europei e Chile pode aumentar exportações em até €4,5 bi

O acordo também prevê cooperações de direitos humanos, investimentos em tecnologia e inovação

União Europeia: Previsão é que 99,9% das exportações vindas da UE se tornem isentas de tarifas (Getty/Getty Images)

União Europeia: Previsão é que 99,9% das exportações vindas da UE se tornem isentas de tarifas (Getty/Getty Images)

E
Estadão Conteúdo

Publicado em 9 de dezembro de 2022, 18h06.

A União Europeia (UE) e o Chile concluíram nesta sexta-feira, 9, as negociações de um acordo comercial e de cooperação que tem como objetivo promover oportunidades de investimento e comércio.

Segundo a UE, a previsão é que 99,9% das exportações vindas da UE se tornem isentas de tarifas, o que deverá aumentar as exportações do bloco para o Chile em até 4,5 bilhões de euros.

Quer receber os fatos mais relevantes do Brasil e do mundo direto no seu e-mail toda manhã? Clique aqui e cadastre-se na newsletter gratuita EXAME Desperta.

Ainda, o acordo garante um melhor acesso das empresas da UE a contratos públicos chilenos, e vice-versa.

O acordo também prevê cooperações de direitos humanos, investimentos em tecnologia e inovação e outras ações, que não foram especificadas no comunicado oficial da União Europeia.

De acordo com o bloco, a UE e o Chile já possuíam um acordo de Associação, que fez com que o comércio de bens entre o país e o bloco crescessem 163% entre 2002 e 2021.

Já, segundo o comunicado, as exportações de bens da UE para o Chile cresceram 284% no mesmo período.

LEIA TAMBÉM: