Casual

Foo Fighters: Taylor Hawkins teria relatado sentir dores no peito

Uma ambulância teria sido enviada ao local, mas, ao chegar no hotel, o músico já havia falecido

O baterista Taylor Hawkins. (Mauricio Santana/Getty Images)

O baterista Taylor Hawkins. (Mauricio Santana/Getty Images)

AO

Agência O Globo

Publicado em 26 de março de 2022 às 11h21.

Última atualização em 26 de março de 2022 às 11h25.

O baterista do Foo Fighters, Taylor Hawkins, encontrado morto em seu quarto de hotel, na Colômbia, teria relato sentir fortes dores no peito. A informação é do jornal colombiano El Tiempo.

Ele teria chamado a equipe do hotel Casa Medina, onde estava hospedado em Bogotá, junto com o restante da banda, que iria se apresentar em um festival nesta sexta-feira. Uma ambulância teria sido enviada ao local, mas, ao chegar no hotel, o músico já havia falecido. Não se saba ainda a causa da morte de Taylor Hawkins.

O relato compartillhado pelo El Tiempo difere de outro, da revista colombiana Semana. Segundo fontes, o artista havia sumido horas antes de uma apresentação que aconteceria na capital colombiana. Os colegas de banda, então, foram procurá-lo em seu quarto no hotel Casa Medina.

Funcionário do hotel teriam batido na porta do quarto e, como não tiveram resposta, entraram no aposento. Taylor Hawkins estava inconsciente. A equipe médica foi chamada para o hotel, mas não conseguiu reviver o baterista.

Ainda segundo o El Tiempo, polícia colombiana investiga a possibilidade da morte do baterista do Foo Fighters, Taylor Hawkins, estar associada ao uso de drogas. Investigadores já estiveram no hotel Casa Medina para coletar provas e depoimentos de colegas e funcionários que tiveram contato com o músico nas horas que antecederam sua morte. Gravações de câmeras de segurança também foram recolhidas.

Repercussão na música

No Twitter, o Ozzy Osbourne se referiu a Hawkins como 'uma pessoas excelente' e um 'baterista fantástico'. 'Meu coração, meu amor e minhas condolências vão para sua esposa, seus filhos, sua família, sua banda e seus fãs. Vejo você do outro lado', disse o vocalista do Black Sabbath.

"Sem palavras e enlutado. Taylor era um cara legal, pai e marido. Meu coração está com eles, Dave e a banda. Que notícia horrível", escreveu Paul Stanley, da banda Kiss, no Twitter.

O guitarrista do Rage Against The Machine, Tom Morello, compartilhou uma foto ao lado de Taylor Hawkins e de Perry Farrell, vocalista da banda Jane's Addiction e criador do festival Lollapalooza. "Deus te abençoe Taylor Hawkins. Eu amei seu espírito e seu poder de rock imparável. Descanse em paz meu amigo", escreveu.

Baterista da banda Metallica, Lars Ulrich publicou uma foto ao lado do músico morto. "Obrigado Taylor..Obrigado por sempre ter o maior sorriso mais caloroso em seu rosto e por iluminar todos os cômodos com sua energia contagiante e boas vibrações", escreveu.

Conheça a newsletter da EXAME Casual, uma seleção de conteúdos para você aproveitar seu tempo livre com qualidade.

Acompanhe tudo sobre:Música

Mais de Casual

Com modelo de franquia, Evino quer chegar ao fim do ano com 30 lojas no país

Jantares beneficentes: confira ações de restaurantes para ajudar o Rio Grande do Sul

Plano mais caro de academia no mundo custa US$ 3 mil por mês

Próxima geração do canivete suíço não terá faca, diz Victorinox

Mais na Exame