Casual

Brasil é o país com mais jogadores de futebol atuando no exterior

França e Argentina fecham o pódio das nações que mais exportam atletas

Futebol: A relevância do euro no futebol brasileiro fica absolutamente clara quando o Botafogo comprou, em março deste ano, o Patrick de Paula ao Palmeiras por 6 milhões de euros (Fernando Torres/CBF/Agência Brasil)

Futebol: A relevância do euro no futebol brasileiro fica absolutamente clara quando o Botafogo comprou, em março deste ano, o Patrick de Paula ao Palmeiras por 6 milhões de euros (Fernando Torres/CBF/Agência Brasil)

AO

Agência O Globo

Publicado em 9 de maio de 2022 às 16h15.

Última atualização em 9 de maio de 2022 às 16h30.

O Brasil é o país que tem mais jogadores de futebol atuando no exterior, de acordo com a mais recente publicação do grupo de pesquisa "CIES Football Observatory". Com 1.219 atletas exportados, o país lidera um ranking com 80 nações, e está à frente de França (978) e Argentina (815).

O estudo monitora 135 ligas de futebol ao redor do mundo. Segundo a pesquisa, o número de brasileiros e argentinos no exterior aumentou ligeiramente desde 2017, com apenas 4% e 6% de crescimento, respectivamente. Já na França, o aumento foi bem mais significante no mesmo período, representando 27%. Países como Holanda (60%) e Colômbia (41%) também se destacam no ranking.

Veja o top-10 de países com mais jogadores profissionais atuando no exterior:

    1219 — Brasil
    978 — França
    815 — Argentina
    525 — Inglaterra
    441 — Alemanha
    425 — Colômbia
    409 — Espanha
    400 — Croácia
    379 — Sérvia
    367 — Holanda

    LEIA TAMBÉM:

                    Acompanhe tudo sobre:AtletasEsportesFutebolJogadores de futebol

                    Mais de Casual

                    Teor alcoólico de 53%: a bebida mais valiosa do mundo que você talvez não conheça

                    Aeterna: a coleção de joias que celebra os 140 anos da Bvlgari

                    Complexo turístico em Minas Gerais terá bar flutuante especializado em vinhos

                    Evento gratuito de queijos e charcutaria acontecerá no Mercado de Pinheiros

                    Mais na Exame