Como a capacitação contínua impactou 2.000 profissionais no BTG Pactual

Capacitação contínua é aliada da evolução, diz Victor Ferreira, diretor executivo de Capacitação do BTG Pactual responsável por projetos educacionais para a rede de assessores do banco
Encontro de formação de profissionais para o mercado financeiro com Victor Ferreira, do BTG (ao microfone): A premissa do aprendizado é ultrapassar a barreira de métodos prontos e valorizar a multidisciplinaridade, considerando campos científicos como neurociência e psicologia, além de metodologias como o design thinking (BTG/Divulgação)
Encontro de formação de profissionais para o mercado financeiro com Victor Ferreira, do BTG (ao microfone): A premissa do aprendizado é ultrapassar a barreira de métodos prontos e valorizar a multidisciplinaridade, considerando campos científicos como neurociência e psicologia, além de metodologias como o design thinking (BTG/Divulgação)
D
Da Redação

Publicado em 11/02/2022 às 10:07.

Última atualização em 15/02/2022 às 09:58.

Quando se fala em capacitação nas empresas, é possível que as pessoas logo pensem em um evento com powerpoints robustos, em palestras motivacionais genéricas, em uma estrutura de conteúdo com começo, meio e fim. É uma concepção compreensível, uma vez que esse já foi (e ainda pode ser) um modelo comum de aprendizagem.  

 Conheça tudo sobre a profissão de assessoria de investimentos

Victor Ferreira, diretor executivo de Capacitação do BTG Pactual, explica sua estratégia para contornar esse formato engessado e buscar inovação para o processo de desenvolvimento dos profissionais financeiros plugados ao banco. Inovação, na verdade, é uma ótima palavra para ilustrar o conceito dos mais variados projetos que a área estrutura e fomenta com os parceiros.  

“Ao todo, já treinamos mais de 2 mil pessoas. E mais do que esse número, o que importa para a gente é que estamos moldando uma cultura de aprendizado constante e que vai além dos processos formais. Quando iniciamos o time de Capacitação, criamos uma estrutura educacional pensada em pilares: aprendizagem como uma jornada e não como um evento, seguindo os pilares da aprendizagem do adulto. Começamos pequeno, fazendo diversas experimentações - provas de conceito, MVP - e, conforme validações e entendimento do que o assessor necessita para o business, construímos nossa grade de programas e projetos; e o mais importante, seguindo sempre com esse mindset ágil de criação de conteúdo eficiente e constantemente atualizado”. 

NA PRÁTICA 

Desenvolvidas para atender as mais diversas demandas dos assessores, os conteúdos das ações de capacitação oferecem formação comercial, mentoria, liderança, produtos e outras frentes. 

Entre elas, Ferreira destaca:  

 

  • 2W, que oferece uma aceleração de formação comercial de 15 dias, além de ações de sustentação desse treinamento ao longo do ano;
  • Preparatório para o CFP e “aulões” que auxiliam na aprovação para todos do banco; 
  • Jornadas de Produtos que ocorre todo mês e ajudam na sustentação da aprendizagem;
  • Sprints comerciais, um novo projeto oriundo de um piloto bem sucedido, são projetos customizados e sob demanda para necessidade do escritório, onde um objetivo é traçado por semana e, ao longo de quatro semanas, com o suporte da área de capacitação, planos de ação semanais são traçados e executados.

 

A premissa é ultrapassar a barreira de métodos prontos e valorizar a multidisciplinaridade, considerando campos científicos como neurociência e psicologia, além de metodologias como o design thinking. Aprendizagem requer dedicação, é uma via de mão dupla entre facilitador e facilitado, não existe fórmula mágica. 

BTG BANKERS 

Além dessas ações, todo assessor de investimento plugado ao BTG pode contar com o BTG Bankers, uma plataforma exclusiva de conteúdo de aceleração de negócios, comunicação, campanhas e cursos que possuem conteúdos tanto objetivos, como mais aprofundados.  

“A plataforma BTG Bankers permite aos assessores ganhos diários de produtividade. Em um só lugar eles têm cursos de capacitação, liderança e certificações. Toda estrutura montada beneficia de ponta a ponta – o assessor e o cliente, que conta com um profissional extremamente qualificado e preparado para cuidar do seu negócio”, afirma Marcelo Flora, sócio responsável pelo BTG Pactual digital.

João Fonseca, sócio e diretor de Aceleração e Performance do BTG Pactual, também relata sobre o BTG Bankers, que além da plataforma, possui um aplicativo que assessor pode conectar-se de qualquer lugar. Fonseca relata, em primeira mão, que a plataforma está passando por inovações intuitivas para facilitar ainda mais o dia a dia do assessor, além da produção de novos conteúdos especializados.    

“O BTG Bankers foi idealizado para ser um projeto gigante, e estamos nesse caminho. Temos uma equipe capacitada que ensina, direciona e procura soluções constantes. Nosso objetivo é que os assessores nunca parem, conhecimento é ‘buscado’ por toda vida! E o espaço criado no Bankers, fomentado pelo time de Capacitação, forma um ecossistema dedicado a esse crescimento profissional e pessoal. Todo nosso hub de conteúdo e inovação é pensado e planejado para a construção de novos líderes, profissionais que entendem de produtos, mercado, entre outros assuntos indispensáveis na rotina”.  

Já para Victor Ferreira, “o segmento de capacitação do BTG Bankers está caminhando para ser uma ferramenta tão amigável e tecnológica de conhecimento que os usuários talvez nem percebam que estão em um processo de absorção de conteúdo, seria um seamless learning”.  

SEM MEDO DE ARRISCAR 

O diretor executivo não se acanha ao compartilhar que muitos projetos foram testados e não tiveram seguimento. Na cultura da área de Capacitação, “errar com inteligência” é algo bem-vindo. O mais importante é fomentar o senso crítico para decidir rapidamente se um projeto é promissor ou não.  

 “Aqui desenhamos hipóteses baseadas em conversas com os assessores e validamos rápido se faz sentido ou não. Dentro desse processo, algumas coisas não funcionam, o que não tem problema, estamos testando, evoluindo e quando errando, errando rápido e barato. Aqui o status quo não existe”.  

Para 2022, a intenção é fortalecer ainda mais o 2W, lançar o programa de novos líderes e manter a aproximação com grandes universidades internacionais para fortalecimento da formação de todos nossos profissionais. 

IMPORTANTE x ESSENCIAL 

Com a velocidade em que o mercado se inova, cabe a cada profissional a responsabilidade de atualizar seus conhecimentos na mesma frequência. Características como soft skills, por exemplo, devem ser cada vez mais elementares no perfil de profissionais de alta performance. No mercado financeiro, em especial, eles são valiosos para a consolidação da confiança entre assessor e cliente. 

 Sobre desenvolver esse mindset de aprendizagem, Ferreira é consciente e objetivo: “Não é importante, mas uma questão de sobrevivência. Aprender sempre foi uma grande necessidade, hoje é uma obrigação. Quem não se capacita o tempo todo, corre riscos altíssimos de ficar para trás”.  

 Fica o entendimento de que se sentir seguro sobre um assunto pode ser um ótimo indicativo de que ele precisa de revisão. Após essa reflexão com Ferreira, a única coisa que pode ser considerada imutável em relação às ações de capacitação do BTG Pactual é a certeza de que elas estarão em constante reformulação, adaptação e transformação. Assim como todos deveríamos estar. 

 Para conhecer mais sobre como ser um assessor (a) de investimento plugado ao BTG Pactual, clique aqui.